Quanto ganha um advogado? Saiba tudo sobre a profissão! 

Saber quanto ganha um advogado é uma das principais dúvidas daqueles que estão no começo da faculdade, ou pretendem ingressar no curso.

Anúncios

Isso porque, é de conhecimento que o curso de direito é um dos que permitem maior amplitude de possibilidades de carreira.

Por isso, no material de hoje conversaremos um pouco sobre a profissão, esclarecendo sobre formação, áreas de atuação, remuneração média e muito mais. Continue por aqui para conferir!

Qual a formação necessária para ser uma advogado?

O advogado é um dos profissionais mais admirados em todo o mundo, dado o grau de importância da área.

Com isso, todos nós conhecemos alguém que sonha em seguir a profissão, mas, para isso é preciso saber qual caminho trilhar.

Começaremos falando sobre a formação, visto que esta é uma etapa básica para alcançar a profissão.

Para se tornar um advogado é preciso realizar o curso superior em Direito, que concede o diploma do tipo bacharel.

Anúncios

Dito isso, é comum escutarmos que apenas o diploma em direito não te torna um advogado, mas, será que é verdade?

Essa visão existe porque a área do direito possui uma prova chamada Exame da Ordem dos Advogados, a OAB no Brasil, responsável por certificar que aquele profissional bacharel possui o conhecimento necessário para ser um advogado.

Por isso, até que se consiga a aprovação na OAB, o profissional ainda não é considerado advogado, e sim bacharel em direito, de modo que suas possibilidades de carreira são limitadas.

Certamente este não é um processo simples, por isso, para ser um advogado é preciso estar comprometido com a qualificação e capacitação profissional.

Leia também: Infidelidade financeira: o que é e como evitar – Valorizei.

Quais as possibilidades de carreira na profissão?

Conforme vimos, tornar-se um advogado não é uma tarefa tão simples, uma vez que a fase do vestibular até a aprovação na OAB é repleta de desafios.

Mas, certamente a amplitude das possibilidades de carreira compensa todo esse esforço, visto que um advogado pode atuar em diversos setores.

Com isso, a chance do profissional ficar desempregado é baixa, desde que o mesmo leve a sua formação a sério e invista no caminho que é do seu interesse.

Veja agora todas as possibilidades de carreira, o que certamente interfere no quanto ganha um advogado.

Consultoria e auditoria 

A prestação de serviço nas áreas de consultoria e auditoria certamente é uma excelente proposta para um advogado.

Isso porque, especialmente para quem deseja liberdade de carreira, nestas áreas você basicamente realiza avaliações de casos na sua área de atuação, e oferece possibilidades de resolução com enfoque no problema.

Então, em geral não existe vínculo entre as partes, e é possível trabalhar por período, ou até mesmo por processo, isso determina quanto ganha um advogado na área.

Atendimento particular 

A possibilidade de atendimento particular certamente é a mais comum para um advogado, visto que a maior parte dos profissionais opta por ter o próprio escritório.

Nessa área você capta clientes, acompanha processos e recebe por honorários e porcentagem das indenizações (caso existam), conforme combinado previamente com o cliente.

É uma área para quem curte dinâmica, visto que é preciso lidar com muitos processos, cada qual com suas particularidades.

Além disso, é difícil descrever quanto ganha um advogado neste setor, visto que não existem limites.

Cargos públicos 

A carreira na defensoria pública pode ser bastante promissora, especialmente para quem busca por aprendizado e estabilidade.

Um defensor público nada mais é do que um advogado que presta serviço para o Estado, e portanto auxilia no andamento de processos.

É importante dizer que dentro da área pública é possível seguir diversos caminhos, de modo que até mesmo para quem sonha em ser juiz, é possível conseguir tendo como ponto de partida o título de advogado.

Vale dizer que para atuar nesta área é necessário participar de concursos públicos e processos seletivos bem complexos, mas, para quem se preocupa com o quanto ganha um advogado, saiba que a remuneração compensa nesta área!

Licenciatura 

Caso você seja apaixonado pelo mundo das leis e deseja passar este conhecimento para o máximo de pessoas possível, a licenciatura pode ser a área ideal para o seu caso.

Como o próprio nome sugere, ao atuar no setor de licenciatura você se torna um professor, podendo atuar tanto na educação básica, quanto no ensino superior.

As possibilidades de carreira neste nicho são abrangentes, então, certamente é excelente para quem busca retorno garantido.

Quanto ganha um advogado?

Por fim, agora que você já tem uma boa noção a respeito das possibilidades dessa profissão, podemos finalmente responder: quanto ganha um advogado?

Bom, isso depende muito da área de atuação e do nível de capacitação do profissional.

Isso porque, um advogado em início de carreira que atua num escritório de terceiros certamente não ganhará o mesmo que um defensor público com décadas de experiência.

Mas, em geral, para uma carga horária de 41 horas semanais é comum que um advogado tenha como média salarial o valor de R$ 5.400,00 no Brasil.

Isso vale para advogados que atuam no regime CLT, visto que para profissionais autônomos não é possível mensurar uma média de ganhos.

O motivo disso é porque os valores variam de acordo com o processo, então, cada profissional tem sua média de ganhos mensais.

De todo modo, se você procura por uma carreira abrangente e com bom retorno financeiro, certamente vale considerar essa opção!

Isso pode te interessar: Curso jurídico: quais são as opções – Valorizei.