Experiência na infância e relação com o dinheiro – Como isso pode afetar o seu bolso!

Você sabia que o comportamento financeiro dos pais influencia os filhos na relação com o dinheiro?

Anúncios



A educação financeira desde a infância é fundamental para que a relação com o dinheiro seja mais saudável.

Cartões mais recomendados

Os ensinamentos ajudam as crianças a adquirir conhecimento e entender a importância de poupar, para que no futuro, eles possam se tornar bons investidores e realizar sonhos.

Se você quer ensinar seus filhos a entender mais sobre o mundo das finanças, precisa também, dar bons exemplos em relação ao uso do dinheiro.

Para saber mais sobre o assunto, continue a leitura.


Como os pais influenciam o comportamento financeiro dos filhos?

As crianças adquirem muitos hábitos através da observação e imitação.

Ou seja, ao observarem os pais e a relação deles com o dinheiro, elas entendem que aquele é o modo certo de controlar as finanças.

Anúncios


Por isso, é essencial que os pais se preocupem em dar bons exemplos. Afinal, eles podem até mesmo influenciar os hábitos de consumo dos filhos na adolescência e na vida adulta, por causa dos exemplos que deram na infância.

Os pais, nesse caso, são agentes de socialização financeira, já que mesmo de forma não intencional, eles mostram como o dinheiro funciona.

Aliás, mesmo se você evita falar sobre o dinheiro, suas crenças e comportamentos em relação às finanças irão afetar os pequenos.

É que ao verem os pais cortando esse assunto, as crianças entendem que falar de dinheiro não é algo bom. 

Mas nós sabemos que não é assim. Dialogar e transmitir conhecimento financeiro é uma forma de ajudar seu filho a entender os princípios básicos da economia e adquirir bons exemplos.

experiência na infância e relação com o dinheiro

A sua infância afetou a sua relação com o dinheiro?

Talvez você nem perceba, mas alguns dos seus hábitos financeiros foram influenciados pelos seus pais ou pessoas próximas na sua infância.

Anúncios


É que as crianças, como ainda não entendem muito bem sobre economia, prestam atenção nos conselhos e hábitos dos pais.

O comportamento dos pais tem muita influência na vida de um filho. Mesmo quando ele cresce, é natural que alguns dos hábitos adquiridos continuem na vida adulta.

Mas se você percebeu que a sua relação com o dinheiro não é tão saudável quanto você gostaria, temos uma boa notícia: sempre existe a chance de mudar.

Perceber que há algo de errado com as suas finanças é o primeiro passo para melhorar a situação.

Na fase adulta, nós conseguimos perceber muito bem a importância de criar uma reserva de emergência, investir o dinheiro e consumir de forma consciente.

Porém, lembre-se que não basta apenas saber que é preciso mudar.

Se você quer realmente ter uma vida financeira mais saudável, será necessário ter força de vontade para colocar novos hábitos em prática.


Educação financeira na infância: 4 hábitos que os pais podem estimular

Para evitar que os filhos tenham dificuldades em relação ao dinheiro, os pais precisam levar a sério a importância da educação financeira infantil.

Como você pode ver, a forma como os pais lidam com o dinheiro, pode influenciar na vida dos filhos.

Mesmo que você não tenha tido bons exemplos na sua infância, pode mudar essa realidade para os seus filhos.

E para te ajudar, vamos mostrar algumas formas de praticar a educação financeira com as crianças:


1. Mostre o valor do dinheiro

Conversar sobre dinheiro é importante. O problema é que esse assunto pode ser um tema muito vago para as crianças.

Elas precisam entender o valor do dinheiro antes de chegarem na fase adulta.

Como elas ainda não tomam decisões financeiras, é normal que elas não consigam entender exatamente o quanto uma compra desnecessária pode afetar o orçamento.

Por esse motivo, é importante mostrar o valor do dinheiro de forma prática e simples.

Deixe bem claro que o dinheiro adquirido é fruto do trabalho e por isso, precisa ser gasto de forma consciente.


2. Seja um bom exemplo

Para que os seus filhos possam ter uma boa relação com o dinheiro, é necessário dar bons exemplos.

Isso significa que os pais também precisam dar valor às finanças e adquirir hábitos de consumo mais saudáveis.

Se os pais fazem muitas compras de forma impulsiva, estão com dívidas ou então, reclamam constantemente da falta de dinheiro, as crianças irão absorver esses hábitos.

Não adianta falar para o seu filho que economizar dinheiro é importante, se ele vê os próprios familiares fazendo o contrário.

Há mais chances de fazer com o que seu filho se torne um adulto com uma mentalidade investidora e saiba colocar em prática os conhecimentos de educação financeira, se ele tiver bons exemplos desde cedo.

3. Defina uma mesada para os filhos

A mesada ensina os filhos a administrarem o próprio orçamento.

É recomendável que o valor da mesada seja estipulado de acordo com os gastos que o seu filho tem e que sempre venha atrelado a algumas obrigações, como por exemplo, tirar boas notas, arrumar a própria cama, etc.

Esse valor, como você sabe, tem como objetivo mostrar aos filhos a importância de administrar o próprio dinheiro.

Por isso, se você perceber que a criança quer gastar a mesada com algo que você não acha adequado, tente não interferir muito. Afinal, esse momento também é importante para ensiná-lo a tomar boas decisões.


4. Dê um cofrinho de presente

O cofrinho é uma maneira antiga de estimular o hábito de poupar dinheiro.

Você também pode incentivar os seus filhos a estabelecer objetivos para a quantia de dinheiro que for economizada.

Um hábito tão simples, vai incentivá-los a economizar mais e a traçar sonhos.

Com o cofrinho, a criança pode juntar dinheiro para comprar um brinquedo novo, por exemplo.

Quando o objetivo for atingido, parabenize a criança e reconheça o esforço dela!

6 sinais que sua relação com o dinheiro não é saudável

Conclusão

Não há dúvidas de que a relação com o dinheiro na infância, pode fazer com que uma criança adquira bons ou maus hábitos financeiros, que irão permanecer na vida adulta.

Por isso, ensina o seu filho desde sempre, a poupar e a gastar o dinheiro de forma consciente.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu