DDD dos Estados do Brasil – Uma Lista Completa Com Todos

Você conhece o DDD dos estados do Brasil? Leia o texto e descubra quais são e como essas informações podem ser útil em algumas situações!

Anúncios

Já digitou o DDD errado e outra pessoa recebeu a ligação? 

Imagina a situação: você faz um Pix para alguém, mas digita outro DDD e não confere os dados. 

O dinheiro certamente fará a felicidade de outra pessoa que possui o mesmo número cadastrado como chave Pix, mas possui o DDD diferente.

Sabendo onde encontrar os DDD dos estados do Brasil, você evita esse tipo de situação, pois pode confirmar se o código é o mesmo, caso não seja possível confirmar com a pessoa no momento.

No texto de hoje você encontrará uma lista completa com todos os DDD dos estados brasileiros. 

Além disso, encontrará algumas dicas para economizar nas ligações.

Anúncios

Não deixe de acompanhar!

DDD dos estados do Brasil: o que é?

A sigla DDD significa Discagem Direta à Distância. Em suma, é o código numérico composto por dois dígitos que identifica os estados.  

Cada estado e regiões possui seu código, e ele deve ser usado quando houver ligações para diferentes áreas urbanas nacionais.

Ele deve ser adicionado ao número de telefone, juntamente com o código da operadora.

Normalmente, seguindo esta ordem: 0 + (código da operadora) + 73 (DDD) + número de telefone.

O código da operadora só é necessário em ligações de telefones fixos para outros estados ou para fora do país.

Se você não conhece o Código de Seleção de Prestadora (CSP) da sua operadora, entre em contato com a mesma para descobrir.

Um exemplo, o código da TIM é 41, enquanto o da Claro e suas outras marcas é 21. O da OI é 31, mas se a ligação for para a Região Sul, o código é o 14. 

Qual a diferença entre DDD e DDI

DDD é a Discagem Direta à Distância, limitada apenas em território nacional. O DDI, por sua vez, significa Discagem Direta Internacional. 

É o sistema de ligação telefônica com discagem automática para lugares fora do Brasil, ou seja, para o exterior.

Hoje em dia usamos o WhatsApp para nos comunicar com pessoas de outros países. No entanto, antigamente nos comunicavamos mais por ligação de telefones fixos, era indispensável usar o DDI na discagem.

O Código DDI do nosso país é o 55. O do Japão é 81, enquanto o de Portugal é 351.

Quais são os DDD dos estados do Brasil?

Observe abaixo a tabela com os principais DDD dos estados brasileiros e do Distrito Federal. 

EstadoCapitalDDD
AcreRio Branco68
AlagoasMaceió82
AmapáMacapá96
AmazonasManaus92
BahiaSalvador71
CearáFortaleza85
Distrito FederalBrasília61
Espírito SantoVitória27
GoiásGoiânia62
MaranhãoSão Luiz68
Mato GrossoCuiabá65
Mato Grosso do SulCampo Grande67
Minas GeraisBelo Horizonte31
ParáBelém91
ParaíbaJoão Pessoa83
ParanáCuritiba41
PernambucoRecife81
PiauíTeresina86
Rio de JaneiroRio de Janeiro21
Rio Grande NorteNatal84
Rio Grande do SulPorto Alegre51
RondôniaPorto Velho69
RoraimaBoa Vista95
Santa CatarinaFlorianópolis47
São PauloSão Paulo11
SergipeAracaju79
TocantinsPalmas63

Vale destacar que apresentamos os códigos por estado e capital, em outras palavras, eles não abrangem todas as cidades de um estado. 

Quando o DDD não é igual para todas as cidades do estado, a distribuição é feita por região, por isso, algumas cidades possuem o mesmo DDD.

Um exemplo, na Bahia, os DDDs são o 71, 73, 74,75 e 77. O estado que possui mais DDD é o de São Paulo, com 9, eles vão do 11 até o 19.

Distrito Federal, Alagoas, Paraíba e Tocantins são exemplos de estados que possuem apenas um código de Discagem Direta à Distância para todo estado. 

Agora que já descobriu os DDDs dos estados brasileiros, sabe como eles são importantes. Saber o código em uma ligação pode te fazer economizar, inclusive.

Descubra no próximo tópico dicas para economizar em ligações.

Dicas para economizar na sua conta de telefone

Agora que já sabe o DDD dos estados do Brasil, pode economizar em ligações telefônicas. Isso porque, normalmente, ligações para números com o mesmo DDD são mais baratas ou gratuitas, dependendo da operadora. 

Caso deseje descobrir mais dicas para economizar, continue a leitura!

1. Escolha o plano certo para você

Um plano telefônico pode atender às suas necessidades, sabendo escolher o ideal, você economiza muito em ligações. 

Algumas operadoras oferecem descontos nos planos familiares, você pode, por exemplo, contratar essa opção e dividir a conta entre os membros da família.

Existem planos que oferecem descontos para ligações realizadas a noite, para determinado estado, etc.

Por isso, conheça os planos que a sua operadora oferece e veja qual atende melhor a sua demanda.

Não será proveitoso ficar sem crédito antes do tempo ou pagar por minutos que não usa.

Por isso, é importante escolher um plano personalizado, que atenda melhor às suas necessidades.

2. Escolha os horários da ligação

Antigamente, quando as ligações telefônicas eram mais comuns, a gente fazia ligação para outros estados depois das 21:00 horas para economizar. 

Inclusive, ainda hoje é possível encontrar planos promocionais com ligações gratuitas para as madrugadas.

Isso acontece porque nos horários menos movimentados as tarifas são menores ou gratuitas em algumas operadoras.

Portanto, para economizar, que tal marcar sua ligação entre as 00:00 horas até as 06:00 da manhã ou para sábados, domingos e feriados depois das 14:00 horas?

Certamente, economiza mais. Deixe os horários mais movimentados apenas para as ligações urgentes; aquelas que não podem esperar. 

3. Fique de olho nas tarifas

É comum que as operadoras mudem seus planos conforme o tempo e também as tarifas. Apesar de ser comunicado aos clientes, nem sempre estamos atentos a esses detalhes. 

Sendo assim, é muito importante estar sempre de olho na fatura e verificar se não há tarifas mais caras ou extras na conta.

Caso veja que o seu plano ficou desvantajoso, mude para um plano mais em conta.

Fora isso, se percebeu que não usa mais os minutos do plano atual, mude para um com menos minutos, por ser mais barato.

4. Faça ligações pelo WhatsApp

Pelo WhatsApp você consegue fazer chamadas de vídeo ou de voz, inclusive chamadas de vídeo em grupo. 

Caso tenha Wi-Fi em casa ou a internet do seu celular seja boa, use mais essa ferramenta, pois não pagará nenhum valor adicional e ainda economiza na conta telefônica.

Fora isso, você pode usar o seu WhatsApp para enviar áudios ou mensagens, afinal, alguns assuntos podem ser facilmente resolvidos por mensagem ou áudio.

Faça isso mais vezes e veja a economia!

5. Limite as ligações

Ligar para DDD dos estados do Brasil que não seja o mesmo que o seu pode deixar sua conta mais cara. 

Além disso, as ligações de fixo para celular podem ter um custo maior também.

O ideal é limitar o tipo de chamada do seu plano. Isso serve também para pessoas que conseguem controlar o uso do telefone.

As operadoras oferecem opções de limitar o telefone para chamadas internacionais, com outro DDD, aparelhos celulares, etc.

6. Não contrate nada que não vá usar

As operadoras oferecem muitos serviços com custo adicional para complementar seu plano, contudo, o complemento é sentido na conta de telefone também. 

Por isso, cuidado para não contratar serviços compulsoriamente e não usar. Você estará jogando seu suado dinheiro fora.

Pague apenas pelo essencial e evite gastos desnecessários.

Veja se não é mais econômico recarregar o celular. Dessa forma, você usa o fixo para ligações fixas e o celular para fazer ligações para outros celulares. 

7. Não atrase o pagamento da fatura

Os atrasos no pagamento da sua conta podem acarretar juros, o que a deixará mais cara. 

Portanto, programe-se para pagá-la sempre na data certa. Caso a data de vencimento caia antes do dia do seu pagamento, ligue para a operadora e veja a possibilidade de trocar a data.

Se estiver com a conta em atraso há muito dias, tente uma renegociação e pague parcelado para evitar acúmulo de dívidas, cancelamento do serviço ou que seu nome vá parar no SPC ou Serasa.

Se o seu nome já foi para nos órgãos de proteção ao crédito devido a sua conta de telefone, você pode negociar a dívida e ficar livre de dívidas.

Atualmente, não é mais necessário pagar caro em contas ou planos telefônicos. Caso sua conta de telefone esteja alta, ao ponto de atrapalhar suas finanças, coloque nossas dicas em prática para economizar.

Conclusão

Neste texto você conferiu uma lista completa com o DDD dos estados do Brasil. Ter essa informação em fácil acesso pode servir em diferentes situações, por exemplo, na hora de fazer um Pix. 

Falando nisso, não deixe de conferir os dados da pessoa antes de finalizar essa operação. Todavia, caso você digite o número corretamente, mas o nome da pessoa é outro, cancele a operação até confirmar com a mesma.

Se você souber o estado que ela mora, pode verificar na lista com os DDDs de cada estado para verificar se foi o mesmo que digitou.

No entanto, se for diferente, use o DDD do estado certo e tente novamente. Não deixe de conferir para ver se os dados estão certos dessa vez, se estiver, finalize a operação, do contrário, aguarde até a confirmação do recebedor.

Leia também: Como Preencher Uma Nota Promissória Sem Erros?