7 dicas para ter o financiamento imobiliário aprovado

Saiba como aumentar as chances de ter o financiamento imobiliário aprovado!

Anúncios



Comprar a casa própria é o sonho de muitos brasileiros, mas ter o financiamento imobiliário aprovado pode parecer difícil para quem nunca contraiu crédito.

Cartões mais recomendados

Além disso, adquirir bens de alto valor, como um imóvel, é um grande desafio para a maioria das pessoas, que estão sofrendo com o aumento dos preços.

A solução, muitas vezes, é partir para um financiamento.

Para te ajudar, preparamos algumas dicas que podem te ajudar a ter o crédito imobiliário aprovado. Vamos lá?

7 dicas para ter o financiamento imobiliário aprovado

O que é um financiamento imobiliário?

O financiamento imobiliário é um tipo de empréstimo realizado com a finalidade específica de adquirir um imóvel.

No caso do financiamento, o banco em questão, depois de aprovar o crédito e firmar um contrato, vai “adquirir” o imóvel para você.

Anúncios


Na maioria dos casos, será preciso dar de entrada 20% do valor do imóvel. O saldo devedor restante, será dividido em parcelas pagas todos os meses.

Essa quantia será devolvida em várias prestações (com juros), que você irá pagar ao longo do prazo estabelecido.

A construtora ou o dono do imóvel irá receber o dinheiro à vista, pago pela instituição, que irá receber o valor da entrada e, nos próximos meses e anos, os pagamentos das parcelas.


Dicas para a aprovação do financiamento imobiliário

A aprovação do financiamento imobiliário é algo que muitos brasileiros querem, mas que ao mesmo tempo, traz uma certa preocupação.

Para ajudar quem quer aumentar as chances de conseguir financiar uma casa ou um apartamento, separamos algumas dicas valiosas. Confira:


1. Verifique o seu score de crédito pelo CPF

O score de crédito é o resultado dos hábitos financeiros e do relacionamento do cidadão com o mercado de crédito.

Anúncios


Verificar essa informação é fundamental para saber se você está com alguma dívida atrasada em seu nome, o que é um fator que praticamente impede a aprovação do crédito imobiliário.

As instituições financeiras sempre fazem uma consulta no score de crédito, para decidir ou não pela aprovação do financiamento.

Todos os brasileiros podem conhecer gratuitamente o seu Serasa Score, que como falamos, é resultado do seu relacionamento com o mercado. O score está disponível na internet e vai de 0 a 1000 pontos.


2. Faça parte do Cadastro Positivo

O Cadastro Positivo é um histórico do seu comportamento de crédito.

Bom, todo mundo sabe que as pendências financeiras podem trazer dificuldades na hora em que alguém solicita um serviço de empréstimo ou financiamento, não é mesmo?

Mas e os hábitos positivos? Será que as dívidas pagas não contam? E a resposta é sim!

No Cadastro Positivo, todas as suas boas práticas são analisadas, como por exemplo, as contas pagas em dia. Com o tempo, você vai construindo um histórico de bom pagador.

Por esse motivo, abrir um cadastro desse tipo ajuda a mostrar que você é um bom pagador de dívidas.


3. Tenha conta no banco em que vai pedir o financiamento

Ter uma conta no banco escolhido para o financiamento é importante para melhorar o relacionamento com a instituição.

Desse modo, fica mais fácil obter a aprovação do crédito.

Com a relação já estabelecida, o banco saberá exatamente como é a sua vida financeira e como é o seu perfil de consumidor, o que certamente, vai trazer vários benefícios para esse processo.

Aliás, quanto maior o tempo que você for cliente do banco, maior é o histórico de pagamento que você tem com ele.

Assim, a instituição poderá avaliar o seu potencial de pagamento com mais facilidade.

citação

4. Faça mais movimentações na sua conta bancária

Ter uma conta no banco escolhido é importante, mas não é o suficiente!

Por esse motivo, o ideal é que os seus ganhos sejam depositados na conta em questão, seja o seu salário fixo ou o pagamento de serviços prestados como autônomo.

O extrato da movimentação da sua conta pode ser utilizado para comprovar a renda que teve nos últimos meses. 

Dessa forma, fica mais fácil comprovar o orçamento.


5. Três anos de FGTS ou dinheiro guardado

Você sabia que o saldo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS)  pode ser utilizado para o financiamento de imóveis:

Porém, ele só é liberado para as pessoas que têm três anos de carteira assinada ao longo da vida.

Você pode utilizar o seu FGTS de duas maneiras em um financiamento imobiliário.

A primeira delas é para dar entrada na sua casa própria. A segunda, para abater as parcelas ao longo dos anos e, assim, quitar o financiamento de forma mais rápida.

Mas se você não tem três anos de carteira assinada, o ideal é que tenha um dinheiro guardado na poupança para dar como o valor da entrada do imóvel.


6. Reúna todos os documentos necessários

Como você já deve imaginar, comprar a casa própria é um processo burocrático.

Isso significa que é preciso se preparar com antecedência e juntar todos os documentos exigidos na proposta de financiamento.

A lista varia de instituição para instituição. Porém, há alguns documentos que sempre são pedidos:

• RG e CPF;

• Certidão de nascimento ou casamento;

• Comprovante de residência;

• Carteira de trabalho;

• Imposto de renda;

• Extrato bancário;

• Holerite mais recente.

Esses documentos mostram para os credores a sua renda e a capacidade de arcar com os custos envolvidos no financiamento.

Além disso, ajudam a conferir a sua identidade, o que é muito importante para evitar potenciais riscos.


7. Regularize a sua empresa

Essa dica vai para os trabalhadores autônomos!

Para ter mais facilidade na aprovação do crédito, uma dica é se tornar MEI (Microempreendedor Individual).

Além disso, é importante regularizar a situação da sua empresa. Vale a pena verificar qual é a situação dela na Receita Federal e se há ações ou dívidas em cobrança.

6 dicas para financiar um imóvel com segurança

Conclusão

Com todas essas dicas, vai se tornar mais fácil obter a aprovação do seu crédito imobiliário.

E de bônus, o Cadastro Positivo aberto, vai ajudar a aumentar o seu score e assim, será mais fácil conseguir outros tipos de empréstimos.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu