Calcular seguro fiança aluguel: como fazer e como funciona?

Pretende alugar um imóvel? Então você precisa saber como funciona e como calcular o seguro fiança aluguel.

Anúncios



Saber o que é e como calcular o seguro fiança é muito importante para quem deseja alugar um imóvel.

Cartões mais recomendados

Afinal, essa é uma das principais formas de garantia locatícia e costuma ser muito utilizada por quem deseja alugar um imóvel com segurança e praticidade, mas não tem um fiador.

Se você deseja alugar um apartamento e quer entender melhor sobre o seguro fiança, não deixe de ler esse artigo, pois vamos te explicar tudo sobre o assunto!

Continue a leitura para saber mais.

calcular seguro fiança aluguel

O que é seguro fiança?

O seguro fiança é uma garantia imobiliária que substitui o caução ou o fiador.

O serviço é contratado pelo inquilino e possui o proprietário do imóvel como segurado.

Anúncios


Basicamente, ele serve para garantir que uma das partes seja ressarcida, caso a outra não cumpra com os compromissos que estão estabelecidos no contrato.

Há muitas seguradoras que oferecem esse serviço e, normalmente, possuem como valor padrão o aluguel + taxas.

A opção pelo seguro fiança como garantia vem crescendo muito, já que ela dispensa a necessidade do fiador. Além disso, o valor total do seguro pode ser pago de forma parcelada.


Como funciona o seguro fiança para aluguel de imóveis?

O seguro fiança oferece cobertura para o valor do aluguel e taxas relacionadas, como condomínio e IPTU.

Geralmente, quem toma decisões referentes à cobertura é o proprietário do imóvel, que apresenta a proposta para a imobiliária em questão.

O processo de solicitação é muito simples. Se o proprietário não receber o pagamento do aluguel, ele deve entrar em contato com a seguradora e explicar o que está acontecendo.

Anúncios


A empresa então, irá indenizá-lo sobre o prejuízo, pagando as parcelas atrasadas.

Quando isso acontece, o inquilino fica devendo para a seguradora. Se ele continuar inadimplente, poderá ser acionado judicialmente.

O fato de a seguradora arcar com as dívidas, não tira a responsabilidade do inquilino de pagar o valor dos aluguéis.

Como calcular seguro fiança aluguel?

O valor a ser pago depende das taxas oferecidas pela seguradora e da cobertura escolhida.

Contudo, é possível ter uma estimativa de acordo com o valor do aluguel.

É que o custo do seguro fiança, normalmente, costuma ficar em um intervalo de uma a duas vezes o preço do aluguel mensal.

Por exemplo, em um aluguel de R$ 1.000,00, o valor total ficará entre R$ 1.000,00 a R$ 2.000,00, dependendo das assistências contratadas.

Entretanto, a média é de um aluguel e meio. 

Em algumas seguradoras, é possível parcelar o valor total em até 12x.

Gastos do imóvel, como IPTU, pintura e multas contratuais, também podem estar cobertos no seguro fiança.


Para quem o seguro fiança aluguel é indicado?

O seguro fiança é indicado tanto para proprietários de imóveis quanto inquilinos.

Há várias vantagens e facilidades, principalmente para os proprietários que querem ter mais tranquilidade em relação a problemas que envolvem o não pagamento do aluguel.

Além disso, também é uma boa opção para os inquilinos que não possuem um fiador.


Quais as principais vantagens do seguro fiança aluguel?

Dentre as principais vantagens do seguro fiança, podemos citar:

Agilidade na contratação

Esse tipo de garantia locatícia traz praticidade e agilidade para quem deseja alugar um imóvel.

O processo de contratação é relativamente simples. A análise cadastral do inquilino é feita em poucos minutos.

Essa agilidade traz benefícios para todas as partes envolvidas:

• O inquilino (pela substituição do fiador ou caução)

• Proprietário do imóvel (mais segurança e tranquilidade)

O seguro fiança aluguel dispensa do fiador ou do depósito caução

Quem já teve que lidar com isso, sabe o quanto é cansativo ter que procurar por um fiador.

Afinal, mesmo que a pessoa tenha crédito no mercado, exige uma grande chance de ela não aceitar ser fiadora de alguém, já que há riscos financeiros envolvidos.

Já no depósito caução, o inquilino paga uma quantia adicional no início do contrato de locação.

Normalmente, o proprietário ou a imobiliária exige um depósito em dinheiro no valor de até três aluguéis, o que pode comprometer a renda do inquilino.

Mas com o seguro fiança, você não precisará encontrar um fiador e nem desembolsar uma grande quantia para garantir o seu contrato.

Segurança para o proprietário

Em caso de inadimplência, o proprietário tem a garantia de pagamento de aluguéis.

Quando necessário, a utilização do seguro deve ser solicitada pelo dono do imóvel. Ao identificar um atraso no pagamento do aluguel, entre em contato com a seguradora.

Renovação do seguro de forma simplificada

Se o contrato de aluguel for prorrogado e as condições iniciais de aceitação não sofrerem nenhum tipo de alteração, não é necessário realizar uma nova análise do cadastro para renovar o seguro.

Desse modo, o processo se torna ainda mais ágil e prático.

Consertos emergenciais

A cobertura principal do seguro fiança é a inadimplência de aluguel.

Contudo, boa parte dos seguros fiança, oferece consertos emergenciais e instalações 24 horas.

A principal vantagem nesse caso, é que o inquilino pode economizar dinheiro e tempo com esses serviços.


Quais as desvantagens do seguro fiança aluguel?

Embora as desvantagens sejam pequenas quando comparadas às desvantagens, é preciso saber exatamente quais são os contras do seguro fiança.

A primeira delas, é que o valor pago pela contratação da apólice não é devolvido ao inquilino – diferente do caução e do título de capitalização.

Além disso, a seguradora pode não aprovar o seguro, dependendo da análise feita. Isso pode acontecer por pendências no nome do inquilino ou renda insuficiente.


Quais são os documentos exigidos para contratar o seguro fiança?

Normalmente, o inquilino deve apresentar esses documentos:

• Carteira de identidade e CPF

• Comprovante de renda

• Comprovante de residência

• Cópia da declaração do Imposto de Renda

como economizar pagando aluguel

Como é calculado o seguro-fiança aluguel?

Se você deseja descobrir como calcular o seguro fiança aluguel antes de optar pelo serviço, saiba que não existe um valor fixo determinante, os cálculos dependem de cada seguradora e podem variar em cada empresa devido a diferentes fatores. 

Contudo, geralmente, o valor desse seguro oscila entre uma a três vezes o valor do aluguel + taxas, em alguns casos.  

As coberturas contratadas e tipo de contrato escolhido podem mudar muito o valor final deste seguro.

Um exemplo, se a casa que deseja morar tem o aluguel de R$500, provavelmente, o seguro fiança custará entre R$500 e R$1.500, considerando algumas taxas em cima desses valores. 

Ou seja, quanto mais caro for o aluguel casa, mais caro será o valor do seguro fiança aluguel. Portanto, é muito importante considerar essa questão na hora de realizar seu planejamento.

A boa notícia é que o valor pode ser parcelado, inclusive, se for parcelado em poucas vezes, não há a incidência de juros. 

Por fim, vale destacar ser realizada uma análise de crédito na hora de conceder e calcular seguro fiança aluguel, dessa forma, o perfil financeiro do solicitante pode influenciar nesses cálculos. 


Quantos aluguel o seguro fiança cobre?

quantos aluguel o seguro fiança cobre?

A quantidade pode variar conforme plano escolhido e seguradora, entretanto, um plano básico pode cobrir até 30 meses de aluguel para o proprietário do imóvel. 

Contudo, a situação de inadimplência será resolvida bem antes desse prazo, certamente. Dispensando assim, a necessidade de uma cobertura tão extensa.


Qual o melhor seguro-fiança locatícia?

Assim como calcular seguro fiança depende de diferentes fatores, definir qual o melhor seguro-fiança locatícia também não é diferente. 

Existem diferentes fatores que fazem esse serviço ser o melhor e eles devem corresponder com seus objetivos e atender as suas principais necessidades. 

Por exemplo, se você precisa muito economizar e tem certeza de que não terá problemas se contratar poucas coberturas, o melhor seguro para você é aquele mais barato. 

Contudo, se estiver buscando por mais vantagens além do valor, o mais barato pode não ser a alternativa ideal, até porque, o que terá grande influência sobre o valor é o preço do aluguel da casa. 

Portanto, na hora de escolher o melhor seguro-fiança aluguel você precisa estar atento aos seguintes requisitos: 

  • Avaliações da empresa;
  • Melhor custo-benefício;
  • Referências;
  • Suporte e atendimento;
  • Experiência na comercialização do seguro-fiança locatícia;
  • Se a empresa oferece pagamento facilitado;
  • Valores das taxas.

Cada inquilino possui necessidades diferentes, sendo assim, o seguro aluguel precisa ser o mais personalizado possível para que o inquilino e proprietário sejam beneficiados. 

Então, antes de escolher qual o melhor seguro-fiança locatícia, pesquise e compare, só assim conseguirá escolher a melhor alternativa. 


Como calcular a multa do contrato de aluguel?

Uma das coberturas do seguro fiança é a multa por quebra de contrato, ou seja, multa de rescisão. 

Neste serviço, existe um limite de cobertura, normalmente, o valor máximo é de três vezes o valor do aluguel, mas pode variar de empresa para empresa. 

Se o valor da multa ultrapassar o valor da cobertura, certamente, o inquilino terá que cobrir o valor restante do seu próprio bolso. 

Sendo assim, o valor da multa rescisória deve estar especificada no contrato. Conforme a lei, as multas rescisórias de locação tem um teto de 10% do valor total do contrato.


Quanto custa um seguro fiança?

Como já foi dito anteriormente, o seguro fiança pode custar o equivalente até três meses de aluguel. 

O valor dependerá da casa onde deseja morar, tempo de contrato e taxas da seguradora. 

Veja abaixo um exemplo:

AluguelTempo de contratoTaxasTotal do seguro fiança
R$700Dois anos (24 meses)R$200,00R$1.600

Geralmente, ele custa o equivalente a um aluguel e meio a cada ano. O exemplo acima serve apenas como base. 

Para saber exatamente quanto custará esse serviço, é necessário procurar uma seguradora, mas ao saber o valor do aluguel da casa em que pretende morar, você consegue ter uma ideia de como calcular seguro fiança aluguel.


Qual seguro fiança mais barato?

Qual seguro fiança mais barato?

Apesar de ser uma ótima alternativa para quem não tem fiador e nem dinheiro de depósito, esse seguro tem um custo considerável. 

Entretanto, a melhor alternativa é buscar por uma alternativa mais econômica que aceita parcelamento. 

Falando nisso, dentro desses requisitos, encontramos uma alternativa perfeita! É o seguro fiança do CredPago. 

Essa startup oferece um dos menores preços do mercado, mas o seu grande diferencial é que o seguro fiança é concedido com base no limite do seu cartão de crédito. 

Ou seja, a empresa usa o limite do cartão de crédito do locatário para realizar a análise de crédito, inclusive, este limite serve como uma garantia. 

Dessa forma, ela consegue oferecer seguro fiança até três vezes mais barato se comparado aos preços das seguradoras profissionais.

Além disso, ela oferece outras formas de pagamento, por exemplo: boleto bancário, Pix e pagamento com dois cartões de crédito. 

Você pode conhecer e contratar seu seguro fiança locatícia na plataforma da CredPago 100% on-line. 

Ela tem mais de 300 imobiliárias parceiras espalhadas pelo Brasil, certamente encontrará alguma pertinho de você!


Como calcular seguro fiança aluguel Porto Seguro?

O seguro fiança aluguel Porto Seguro é umas das melhores alternativas do mercado. A empresa possui anos de experiência na comercialização de diferentes modelos de seguros. 

Na Porto Seguro você pode parcelar seu seguro em até 60x sem juros, um ótimo prazo! A empresa oferece três planos diferentes, sendo eles:

  • Essencial;
  • Tradicional;
  • Porto Cap.

A última alternativa é a garantia por título de capitalização. Nessa opção há juros no parcelamento e só pode parcelar em até 12x. Outra forma de pagamento é o boleto à vista.  

Cada plano oferece diferentes vantagens e benefícios para o inquilino, proprietário e imobiliária. 

Ao acessar o site da Porto Seguro você consegue conhecer os diferenciais de cada um deles. 

Para saber como calcular o seguro fiança aluguel da Porto Seguro será necessário realizar uma simulação. 

O cálculo é realizado pelo Corretor de seguros e o resultado é personalizado para cada cliente. 

Isso porque, é realizada uma análise cadastral onde é avaliado o risco da locação, quanto maior for o risco, maiores serão as chances de obter um valor de seguro fiança aluguel mais alto. 

Conclusão

Agora você já sabe o que é e como calcular o seguro fiança aluguel.

Se você está interessado em alugar um imóvel, essa garantia locatícia pode ser uma boa alternativa, caso você não tenha um fiador.

Mas antes de qualquer coisa, é necessário avaliar as desvantagens e desvantagens desse serviço, de acordo com os seus interesses!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu