Como funciona o saque calamidade do FGTS?

Saiba como funciona o saque calamidade do FGTS

Anúncios



O saque calamidade do FGTS é uma modalidade que dá o direito de o trabalhador sacar o saldo do FGTS por questão de necessidade pessoal, urgente e grave, causada pelo desastre natural que atingiu a sua área de moradia.

Cartões mais recomendados

Em razão das fortes chuvas registradas no Rio de Janeiro, em cidades como Paraty. Angra dos Reis, Mangaratiba, Nova Iguaçu, Mesquita e Belford Roxo, os moradores atingidos podem solicitar o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) por calamidade.

Para entender mais sobre o assunto, continue a leitura. Vamos explicar como tudo funciona.

como funciona o saque calamidade do fgts?

Como fazer o pedido de saque calamidade do FGTS?

Quem teve a residência atingida pode realizar o saque do FGTS de forma totalmente digital.

Ou seja, não há necessidade de ir até uma agência física.

O processo é feito através do próprio aplicativo FGTS, que está disponível para download gratuito em plataformas digitais (Android ou iOS).

Anúncios


Depois de fazer o download e inserir algumas informações, entre na opção “Meus saques” e selecione “Outras soluções de saque”.

Clique em “Calamidade pública” e informe o município em que você reside.

Você vai precisar encaminhar os seguintes documentos:

• Foto de documento com identidade (também é possível utilizar a sua CNH)

• Comprovante de residência em nome do trabalhador emitido até 120 dias antes da decretação de calamidade

É importante lembrar que caso o seu comprovante de renda esteja em nome do cônjuge ou companheiro (a), será necessário enviar Certidão de Casamento ou Escritura Pública de União Estável.

Anúncios


Depois de enviar os documentos, dentro do aplicativo, para creditar o valor em uma conta da Caixa ou de qualquer outro banco e enviar a solicitação.

O prazo para retorno da análise e crédito em conta, caso aprovado, é de 5 dias úteis.

Além disso, você deve possuir saldo positivo na conta do FGTS e não ter realizado saque pelo mesmo motivo em período inferior a um ano.

O valor máximo de retirada é de R$ 6.220,00.

Fonte: G1


O que pode ser enquadrado como desastre natural?

Para realizar o saque calamidade do FGTS, a Caixa considera como desastre natural as seguintes condições. Veja lista:

·         Enchentes ou inundações graduais;

·         Enxurradas ou inundações bruscas;​

·         Alagamentos; ​

·         Inundações litorâneas provocadas pela brusca invasão do mar;​

·         Precipitações de granizos;

·         Vendavais ou tempestades;​

·         Vendavais muito intensos ou ciclones extratropicais;​

·         Vendavais extremamente intensos, furacões, tufões ou ciclones tropicais;​

·         Tornados e trombas d’água;​

·         Desastre decorrente do rompimento ou colapso de barragens que ocasione movimento de massa, com danos a unidades residenciais.

Fonte: Jc Consursos

citação

Precisa comparecer a uma agência Caixa?

Como falamos, o procedimento é realizado de forma totalmente digital.

Contudo, caso seja necessário o comparecimento a uma agência Caixa, o trabalhador deve apresentar os seguintes documentos:

• Comprovante de residência

• Documento de identificação do trabalhador ou diretor não empregado

• CPF

• CTPS física ou CTPS Digital ou qualquer outro documento que comprove o vínculo empregatício

Na falta do comprovante de residência, o titular da conta do FGTS poderá apresentar uma declaração emitida pelo Governo Municipal ou do Distrito Federal, comprovando que o trabalhador mora na área afetada.

A declaração precisa ser afirmada sobre papel timbrado e a autoridade emissora deverá por nela data e assinatura.

Na declaração, também deve ter o nome completo, data de nascimento, endereço e número do CPF do trabalhador.


Outras ações

A Caixa Econômica Federal, também vai possibilitar a pausa de até 90 dias nos contratos de financiamento habitacional nas regiões atingidas, mediante solicitação nas agências do banco.

O banco também informou que irá disponibilizar uma equipe técnica, para prestar ações de assistência em apoio às cidades.

Isso também inclui a operacionalização de repasses de recursos.

“As prefeituras terão o apoio técnico da Caixa para levantamento dos danos e estimativa de custos para a recuperação de obras em andamento ou edificações atingidas, como pontes, vias de acesso, abastecimento de água, postos de saúde e escolas, dentre outras de grande impacto para a população”, disse o banco.

Além disso, a Caixa também irá realizar uma pausa no financiamento para hospitais das regiões afetadas, mediante solicitação.

Fonte: G1


Quais são os principais canais de atendimento da Caixa?

Você pode encontrar em contato com a Caixa das seguintes maneiras:


Telefones da Caixa

A Caixa possui diversos números de telefone para os consumidores.

Cada um deles, é voltado para um assunto específico. Ou seja, o número para o qual você deve ligar, depende do serviço necessário.

Saiba quais são eles:


Alô CAIXA

• 4004 0104 – Capitais e Regiões Metropolitanas

• 0800 104 0104 – Demais regiões


Atendimento Caixa Cidadão

• 0800 726 0207

Esse é o número para o qual você deve ligar se precisa falar sobre assuntos relacionados ao FGTS.


Atendimento Auxílio Brasil

• 111


Agência Digital

• 4004 0 104 – Capitais e regiões metropolitanas

• 0800 104 0 104 – Demais regiões


Atendimento aos clientes no exterior

• 55 (61) 3533 2000 – Atendimento em português


Atendimento a clientes portadores de deficiências auditiva e de fala

• 0800 726 2492


SAC CAIXA

• 0800 726 0101


Ouvidoria CAIXA

• 0800 725 7474


Canal de Denúncia

• 0800 512 6677


WhatsApp da Caixa

Sabia que você também pode entrar em contato com a Caixa através do seu WhatsApp?

Você pode até mesmo falar com o seu gerente.

Você pode tirar as suas dúvidas pelo WhatsApp através do número 0800 104 0104.


O que você pode fazer pelo aplicativo da Caixa?

O aplicativo Caixa permite que você acesse as principais funcionalidades da sua conta direto no celular ou tablet.

Você pode consultar seu extrato, fazer pagamentos, transferências, cadastrar a sua chave Pix, emitir 2ª via do cartão de débito, adicionar cartão ao Google Pay e muito mais.

Ou seja, é possível realizar diversos tipos de serviços de forma totalmente virtual.

Baixe o aplicativo e tenha mais praticidade no seu dia a dia!


Internet banking

O Internet Banking Caixa é o seu banco 24 horas.

Com ele, você pode realizar consultas, pagamentos, transferências e até mesmo, simular financiamentos.

Caso seja o seu primeiro acesso, você terá que cadastrar um usuário e senha pela Internet. Eles serão solicitados sempre que você acessar o internet banking para fazer alguma consulta.

Com o serviço de SMS, você recebe uma mensagem no celular sempre que o Internet Banking for utilizado.

saqye do fgts cuidados para não cair em golpes

Conclusão

Trabalhadores de municípios atingidos pela chuva poderão sacar até R$ 6.220,00 do saque calamidade do FGTS.

Quem teve a residência atingida poderá realizar o saque do FGTS de forma digital, ou seja, não é preciso ir até uma agência.

Para fazer a retirada, é preciso ter em mãos documentos pessoais com foto como CPF, RG, CNH ou Carteira de Trabalho e um comprovante de residência emitido até 120 dias antes da decretação de calamidade.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu