Renda fixa x dividendos: qual a melhor opção?

O que será que é melhor entre renda fixa x dividendos?

Anúncios



Muitos investidores iniciantes ficam em dúvida em relação a renda fixa x dividendos.

Cartões mais recomendados

Afinal, qual o significado de cada um desses conceitos? O que realmente é mais lucrativo?

Pensando nisso, preparamos um artigo com tudo o que você precisa saber sobre renda fixa e dividendos.

Para entender mais sobre o assunto, continue a leitura.

renda fixa x dividendos

O que é renda fixa?

A renda fixa é uma classe de investimentos em que a rentabilidade do título é definida no momento da contratação.

Quando você faz um investimento em renda fixa, você está emprestando o seu dinheiro para o governo (no caso dos títulos públicos) ou uma instituição financeira.

Anúncios


Em troca, na data acordada, o seu dinheiro será devolvido com juros.

A renda fixa pode ser prefixada ou pós-fixada.

Ao investir em um título prefixado, você saberá exatamente o quanto vai receber no final da contratação. Por exemplo, um rendimento de 7% ao ano.

Já os títulos pós-fixados, são atrelados a algum outro índice da economia, como a Selic ou o CDI, por exemplo.

Nesse caso, você sabe que seu dinheiro irá render conforme algo específico, mas não sabe exatamente o quanto, já que o indicador tem suas variações.


Quais são os principais investimentos de renda fixa?

Você já sabe como a renda fixa funciona.

Anúncios


Agora, está na hora de conhecer as principais aplicações desta categoria de investimentos. Confira:


Tesouro Direto

Os títulos do Tesouro Direto são emitidos pelo governo como forma de captar recursos.

Isso significa que quem adquire um título do Tesouro Direto, está emprestando dinheiro à união.

Há três tipos de títulos do Tesouro Direto: prefixado, pós-fixado e híbrido (que combina os dois tipos de investimento).


Certificado de Depósito Bancário (CDB)

Os CDBs são semelhantes ao Tesouro Direto.

A diferença, basicamente, é que aqui você está emprestando o seu dinheiro para um banco, que irá utilizar os recursos adquiridos para financiar atividades.

Como recompensa, seu dinheiro será devolvido com juros na data combinada.


LCI e LCA 

As Letras de Crédito Imobiliárias (LCI) e do Agronegócio (LCA), são aplicações de renda fixa isentas de Imposto de Renda.

Do ponto de vista do investidor, não há diferença entre investir em LCI ou LCA. O que muda, na verdade, é o lastro do papel.

As LCIs são lastreadas na carteira de empréstimos relacionados ao setor imobiliário.

Já as LCAs, são utilizadas como forma de captar recursos para o financiamento do agronegócio.


CRI e CRA

O certificado de recebíveis imobiliários (CRI) e o certificado de recebíveis do agronegócio (CRA) são títulos de renda fixa.

Assim como as LCIs e LCAs, os certificados de recebíveis são lastreados em operações de crédito ligadas aos setores imobiliário e do agronegócio.

A diferença está em quem emite, já que os CRIs e CRAs são emitidos por securitizadoras.


Debêntures

As debêntures são títulos de dívidas emitidos por empresas de capital aberto na bolsa de valores.

Elas são utilizadas pelas companhias emissoras para o financiamento de projetos e aumento de capital.

As debêntures podem ser divididas em duas categorias: não conversíveis e conversíveis.

As não conversíveis, não podem ser convertidas em ações da empresa emissora. Já as conversíveis, podem ser convertidas em ações da empresa emissora.

citação

O que são dividendos?

Os dividendos são parte do lucro líquido ajustado de uma companhia divididos entre os acionistas.

Basicamente, funciona da seguinte forma:

Um investidor, ao adquirir ações de uma companhia, passa a ser “sócio” do negócio.

Como acionista, ele tem o direito de receber parte do lucro líquido da empresa, de acordo com a quantidade de papéis que ele possui.

A distribuição acontece através dos dividendos!

Sendo assim, os dividendos não são exatamente uma modalidade de investimento, como a renda fixa.

Eles simplesmente são parte dos lucros de uma empresa distribuídos aos acionistas como forma de remuneração.


Quais ações pagam dividendos?

Há várias ações que pagam dividendos. Dentre elas, podemos citar:

• BBAS3 – Banco do Brasil

• BBDCA – Bradesco

• PLPL3 – Plano & Plano

• TAEE11 – Taesa

• SANB11 – Santander Brasil

• CYRE3 – Cyrela


Renda fixa x dividendos: qual a melhor opção?

Agora você já sabe que estamos falando de duas coisas diferentes.

A renda fixa é uma modalidade de investimento considerada mais segura e previsível.

Já os dividendos, são parte do lucro líquido de empresas listadas na bolsa.

Não há como dizer exatamente qual é a melhor opção, pois tudo depende dos seus objetivos e perfil de investidor.

Para aqueles que priorizam a segurança, a renda fixa é uma boa opção, já que a maioria dos investimentos são protegidos pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC).

Já o Tesouro Direto é 100% garantido pelo Tesouro Nacional, o que o torna um dos investimentos mais seguros do mercado.

Agora, para quem pretende investir em renda variável e adquirir uma fonte de renda passiva, vale a pena considerar a possibilidade de investir em ações que pagam dividendos.

De qualquer forma, o ideal é que você diversifique a sua carteira.

Por exemplo, se você tem um perfil mais conservador (não quer correr riscos), é recomendado que a maior parte da sua carteira seja composta de ativos de renda fixa, como Tesouro Direto, CDB, LCI, LCA, etc.

Contudo, nada impede que uma parte da sua carteira também tenha ativos de renda variável. Dessa forma, você aumenta as possibilidades de ganho e encontra novas oportunidades de investimento.

O mesmo vale para os investidores arrojados (que priorizam a alta rentabilidade e estão dispostos a correr riscos).

Para proteger a sua carteira da volatilidade do mercado, o ideal é que você também tenha alguns ativos de renda fixa no seu portfólio.

Aliás, com o aumento da taxa Selic, a renda fixa se tornou mais atrativa até mesmo para os perfis mais arrojados!

como viver de dividendos 6 dicas para começar

Conclusão

Renda fixa x dividendos: qual a melhor opção para o seu portfólio?

A verdade é que estamos falando de duas coisas diferentes.

Tanto a renda fixa quanto a renda variável possuem suas vantagens. Por isso, antes de investir, é importante você entender a sua realidade financeira, perfil de investidor e objetivos.

Desse modo, irá descobrir o que realmente é melhor para a sua carteira.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu