Real digital é a criptomoeda do Brasil? Saiba tudo!

O real digital, que ainda está na fase de estudo, pode se tornar uma realidade na rotina dos brasileiros.

Anúncios



Devido ao aumento do número de sistemas de pagamentos online, muitas pessoas não utilizam mais dinheiro físico para fazer compras. E essa tendência deve crescer ainda mais, com a criação de versões digitais das moedas nacionais, como a real digital.

Cartões mais recomendados

Mas será que ela vai substituir o dinheiro físico? Quando as pessoas irão começar a utilizá-la? Continue a leitura e saiba tudo sobre o assunto!


O que é real digital?

O real digital é uma moeda virtual emitida pelo Banco Central do Brasil.

O objetivo do BC é fazer com que essa moeda se torne parte do dia a dia das pessoas, sendo usada por quem utiliza contas bancárias, cartões e até mesmo o dinheiro em espécie.

Essa nova versão da moeda irá facilitar o desenvolvimento de novos modelos de negócios que aumentem a eficiência dos pagamentos.

Além disso, é bem provável que novas tecnologias sejam implementadas, como por exemplo, a Internet das Coisas (Internet of Things) e o dinheiro programável.

Anúncios


O real digital faz parte de uma nova categoria monetária: as moedas digitais do banco central, conhecidas pelo termo em inglês CBDC (Central Bank Digital Currency).

Ao invés de imprimir mais dinheiro, o Banco Central vai gerar um código equivalente ao seu montante.

Até o momento, não há nenhuma data específica para que o real digital comece a funcionar.

real digital é a criptomoeda do brasil

O que é uma CBDC?

CBDC é a versão virtual da moeda de um país, utilizada para fazer compras, estipular o valor de um produto, entre outras finalidades.

No momento, boa parte das transações financeiras já são feitas de forma digital. Contudo, a diferença é que no momento, as notas e moedas em espécie, são a única forma do Banco Central emitir dinheiro físico.

Mas com a criação de uma CBDC, seria possível emitir moedas no formato digital, colocando em circulação moedas que não foram impressas.


O Brasil está criando sua própria moeda digital?

Anúncios


Na verdade, o Brasil não está desenvolvendo o seu bitcoin.

Apesar de as CBDC e o bitcoin fazerem parte do ambiente digital, existem algumas diferenças importantes entre eles.

É que uma moeda digital emitida pelo banco central, como o nome já indica, é regulada pela autoridade monetária de um país.

Isso significa que todas as decisões referentes a ela são centralizadas em uma instituição responsável por gerenciar o sistema financeiro de um país.

Já as criptomoedas, como o Bitcoin e o Ethereum, não são emitidas por um governo ou banco central. São os próprios usuários que regulam esse sistema.

Além disso, é importante lembrar que as CBDC funcionam da mesma forma que o dinheiro tradicional, que você já utiliza para fazer compras e pagar contas.


Quais são os países que possuem uma CBDC?

Atualmente, o país mais avançado em relação a essa questão, é a China.

Existem mais de 20 milhões de chineses com carteiras digitais emitidas pelo Banco Popular da China.

Dessa forma, eles podem utilizar a moeda digital para realizar transações financeiras comuns.

A CBDC chinesa funciona através de uma rede blockchain privada administrada pelo governo do país.

Isso significa que apenas pessoas autorizadas têm acesso a ela, o que torna o sistema extremamente seguro.

O objetivo do governo da China é substituir, ou pelo menos, diminuir o uso de dinheiro em espécie para realizar pagamentos.

A expectativa é que no ano de 2020, a CBDC chinesa já esteja disponível para toda a sua população.

O dinheiro físico vai desaparecer?

No Brasil, o objetivo não é substituir totalmente o uso do dinheiro em espécie.

A real digital será mais um meio de pagamento alternativo, assim como vários outros que já fazem parte do nosso dia a dia.

Aliás, nem é possível converter todo o dinheiro físico para o mundo digital, pois isso poderia causar um colapso no sistema financeiro do país.

Além disso, é importante lembrar que mesmo com todo o desenvolvimento tecnológico dos últimos anos, milhões de brasileiros ainda não possuem a serviço bancários e nem à internet.

Certamente, se todo o dinheiro físico migrasse para o mundo digital, a vida dessas pessoas seria ainda mais difícil.

Esse fato, certamente, também é um empecilho para converter todo o dinheiro físico para o real digital.


Quais são as principais vantagens do real digital?

A tecnologia está cada vez mais presente na nossa rotina.

Por esse motivo, o desenvolvimento de uma moeda como a real digital, irá trazer diversos benefícios para o Brasil.

Dentre os principais deles, podemos citar a eficiência e a facilidade no sistema de pagamentos.

Apesar do dinheiro em espécie ser aceito na maioria dos lugares, muitas pessoas preferem utilizar cartões de débito, crédito e outros sistemas de pagamento online, como o pix, por exemplo.

Também é importante lembrar que emitir o real digital será mais barato do que emitir dinheiro físico.

Afinal, dessa forma, é possível reduzir custos com transporte, impressão e armazenamento.

Claro que para esse processo acontecer de forma eficiente, o Banco Central precisará investir em segurança.


Será possível realizar transações internacionais com o real digital?

O Banco Central já comentou sobre a importância de manter o sistema aberto à possibilidade de adoção de padrões internacionais.

Mas além de todas as questões que envolvem o desenvolvimento tecnológico, também será preciso modernizar a legislação tributária para tornar esse processo mais ágil.


Como funciona o sistema de segurança da real digital?

Os responsáveis por essa área do Banco Central, afirmam a existência de uma “diretiva de privacidade”.

Isso garante que os dados que estão sob responsabilidade do BC, não serão utilizados de maneira inadequada.

Em relação aos hackers e ataques virtuais, o BC afirma que está conseguindo lidar muito bem com essas situações.

dúvidas mais comuns sobre o real digital

Conclusão

As moedas digitais, sem dúvida alguma, vão se tornar cada vez mais populares nos próximos anos.

O objetivo não é acabar com o dinheiro em espécie, mas sim, criar ainda mais uma alternativa de pagamento totalmente virtual.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu