O Pix é gratuito em todos os bancos? Será que existem tarifas?

Descubra de uma vez por todas se o Pix é gratuito em todos os bancos!

Anúncios



O Pix apresenta várias características que fazem dele um método de pagamento moderno e inovador, mas há uma dúvida muito comum: o pix é gratuito em todos os bancos?

Cartões mais recomendados

Desde novembro de 2020, os brasileiros podem contar com essa solução de pagamento, que revolucionou a forma de realizar transferências e compras em lojas físicas ou virtuais.

Entretanto, algumas transações podem ter custos.

Para entender mais sobre o sistema e saber quando as tarifas são cobradas, continue a leitura. Vamos explicar tudo sobre o assunto.

O que é Pix?

Pix é pagamento instantâneo brasileiro.

Basicamente, é uma forma de transferência desenhada pelo Banco Central (BC). O grande objetivo do serviço, como o nome já diz, é ser instantâneo e funcionar 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Anúncios


Isso significa que até mesmo durante feriados e finais de semana, as pessoas poderão utilizar o Pix para fazer transferências, fazer compras, entre outros.

Ao realizar uma transferência pelo Pix, a outra pessoa irá receber o valor em poucos segundos.


O pix é gratuito em todos os bancos?

Para pessoas físicas e microempreendedores individuais (MEI), o Pix é gratuito.

Ou seja, nesses casos, todas as operações realizadas são isentas de taxas – exceto em duas situações.

Poderá haver cobrança se os recursos forem recebidos como pagamento de venda de um produto ou serviço ou se a transação Pix for concluída via contato telefônico ou de modo presencial.

Em relação às pessoas jurídicas, as taxas de envio e recebimento são estabelecidas pelos bancos. Isso significa que o Banco Central não interfere nas tabelas de tarifas definidas pelas instituições financeiras.

Anúncios


Sendo assim, se você for cliente PJ, não há garantia do Pix gratuito, já que os bancos escolhem as tarifas para operações.


Quais são as tarifas de transferência?

Saiba quais são as tarifas cobradas pelas instituições financeiras para o envio e recebimento de Pix por pessoas jurídicas:

• Banco do Brasil: 0,99% sobre o valor do envio via Pix, com tarifa mínima de R$1 e no máximo R$ 10. O recebimento via QR Code, é sujeito à mesma taxa, embora o limite máximo seja de R$ 140.

• Itaú Unibanco: 1,45% do valor da transação, com tarifa mínima de R$ 1,75 e máxima de R$ 9,60. Os recebimentos via Pix usando Qr Code não tem custo.

• Bradesco: 1,4% do valor da transação, com tarifa mínima de R$ 1,65 e máxima de R$ 9.

• Santander: 1% do valor da transação, com tarifa mínima de R$ 0,50 e máxima de R$ 10.

• Mercado Pago: a plataforma não cobra por transferências feitas por pequenos vendedores. Contudo, há taxas para redes maiores. Nessas situações, as negociações são específicas.


Quais são as tarifas de recebimento?

• Banco do Brasil: QR Code – 0,99% da transação

• Itaú Unibanco: QR Code – até 1,45% do valor pago

• Bradesco – 1,4% do valor da transação

• Santander – QR Code estático ou dinâmico: R$ 6,54; QR Code via checkout: 1,4% do valor da transação

Quais instituições financeiras não cobram taxas?

Há vários bancos e instituições financeiras que não cobram taxas dos clientes empresariais, como por exemplo:

• Caixa Econômica Federal

• C6 Bank

• Banco Inter

• Nubank

• Picpay

• Sicoob

• Banco Neon

• Banco Original

• Linker


Como se cadastrar no Pix?

Agora você já sabe que para pessoas físicas (PF), o Pix é gratuito em todos os bancos.

Mas afinal, como cadastrar uma chave Pix?

Antes de tudo, você precisa saber que o Pix não é um aplicativo e nem um produto de um banco específico.

Ele é um meio de pagamento lançado pelo Banco Central.

Sendo assim, você não vai criar um Pix ou baixar um aplicativo específico para fazer transações instantâneas. Afinal, esse método de pagamento deve estar disponível no app do banco ou da fintech que você já tem conta.

Isso significa que se você não é cliente de uma instituição que oferece Pix, será necessário criar uma conta corrente, poupança ou de pagamento em algum banco que ofereça essa ferramenta.

Cadastre a sua chave Pix no site, aplicativo ou agência da instituição.

A chave pode ser o seu CPF/CNPJ, e-mail, número de celular ou uma chave aleatória, que é código gerado aleatoriamente pelo Banco Central para ser vinculado a uma única conta.

Essa chave, basicamente, é o “endereço” da sua conta. Ou seja, para receber uma transferência por Pix, você não precisa informar mais o número da sua conta, agência ou banco.

Agora, basta passar a sua chave Pix e pronto! A outra pessoa poderá transferir recursos para a sua conta.


Quais as principais funções do Pix?

O Pix é muito conhecido pelo fato de ter revolucionado a forma de fazer transferências online.

Quando havia apenas TED e DOC, o processo de transferência era um pouco mais demorado. Além disso, taxas eram cobradas até mesmo para transferências entre pessoas físicas.

Porém, realizar transferências não é o único recurso do Pix.

Com essa ferramenta, você pode fazer compras presenciais usando QR Code, recarregar o celular e até mesmo pagar a conta de luz.

Também é possível sacar dinheiro em lojas através de duas novas funcionalidades: o Pix saque e o Pix Troco.


Pix saque

Com o Pix Saque, você consegue sacar dinheiro em estabelecimentos comerciais, sem precisar fazer a compra no local.

Se tiver interesse, você deve ir até um estabelecimento que ofereça o serviço e fazer um Pix no valor que deseja sacar em dinheiro.


Pix troco

O Pix troco funciona de forma semelhante ao Pix saque.

A diferença é que aqui, você irá comprar um produto na loja por meio do Pix.

Ou seja, você irá fazer a compra pagando um valor excedente e receberá o troco em dinheiro.

Por exemplo, você compra um produto R$ 40, mas faz um Pix de R$ 60 através do QR Code. Nesse caso, a loja irá te devolver R$ 20 em espécie.

Conclusão

Como você pode ver, para as pessoas físicas (PF), o Pix é gratuito em todos os bancos.

Cadastre uma chave hoje mesmo e aproveite todos os recursos que essa ferramenta oferece!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu