Investimento a curto prazo 2021: saiba como funciona

Desde já, conheça as melhores opções de investimentos a curto prazo 2021! Veja o que são, quando devem ser considerados, vantagens e exemplos!

Anúncios



Para quem está entrando no mercado financeiro, escolher um investimento de curto prazo nem sempre é uma tarefa fácil.

Cartões mais recomendados

Afinal, com tantas modalidades de investimento, como escolher o que mais se enquadra no seu perfil, características e renda?

Pensando nisso, criamos um artigo para falar sobre investimentos de curto prazo e te apresentar as melhores opções para 2021!

Continue a leitura para saber mais.

O que são investimentos a curto prazo?

Chamamos de investimentos de curto prazo as operações financeiras que duram até 12 meses. Normalmente, essas movimentações são marcadas por rentabilidade e alta liquidez.

Você pode encontrar investimentos de curto prazo de vários tipos.

Anúncios


Caso você tenha um perfil mais conservador, vale a pena investir nos de renda fixa. Contudo, se estiver disposto a correr mais riscos em troca de altos rendimentos, considere a compra de ações.

investimento de curto prazo 2021

Quando os investimentos a curto prazo 2021 devem ser considerados?

Antes de qualquer coisa, é importante lembrar que no mercado financeiro, não existem investimentos totalmente “bons ou ruins.”

Na verdade, o que existe são aplicações que fazem sentido para um determinado perfil de investidor ou um contexto.

Por isso, é muito importante estudar e ter paciência para começar a investir, principalmente se você pretende colocar seu dinheiro em fundos mais arriscados.

Além disso, é importante saber os motivos pelos quais servem um investimento de curto prazo. Basicamente, os investimentos de curto prazo, tem dois objetivos como principais.

O primeiro deles, é criar uma reserva de emergência para o investidor, algo extremamente importante hoje em dia. Afinal, nunca sabemos quando algo pode acontecer, não é mesmo?

Anúncios


Já o segundo caso, é quando o investidor tem uma meta definida. Por exemplo, vamos supor que ele queira comprar um carro em 10 meses.

Se for essa a situação, o gestor poderá encontrar um título de boa rentabilidade com vencimento em 10 meses.

Vantagens do investimento de curto prazo

• As aplicações começam a render a partir do primeiro dia de investimento

• Maior proteção para o seu capital

• Possibilidade de isenção do imposto de renda (em alguns casos)

• Previsibilidade

• Possibilidade de diversificação de investimentos

Exemplos de investimentos a curto prazo 2021

Há diferentes tipos de investimentos de curto prazo. Quase sempre, essas aplicações contam com algumas características bem específicas:

• Baixa volatilidade

• Valor inicial de investimento baixo

• Liquidez diária

É por esses motivos, que os investimentos de curto prazo normalmente são de renda fixa.

Agora, está na hora de apresentar esses investimentos. Veja só:

1. Tesouro Selic

Também chamado de LFT – Letras Financeiras do Tesouro, é um investimento recomendado para quem tem perfil conservador, em que a remuneração está associada à taxa Selic.

Como a taxa Selic (a taxa básica de juros da economia), aumentou em agosto de 2021, o investimento no Tesouro Selic se tornou um pouco mais vantajoso.

Há diversas vantagens em investir no Tesouro Direto.

A primeira delas, é a facilidade. Você só precisa ter conta em uma instituição financeira.

Todos os dias, os títulos são disponibilizados em horários definidos para compra e venda.

Além disso, é um investimento bem seguro. Ele é emitido pelo governo, e, então, a possibilidade de quebra total do estado é relativamente baixa, quando comparada a possibilidade de quebra de instituições financeiras privadas.

2. LCI – Letra de Crédito Imobiliário (LCI)

A Letra de Crédito Imobiliário (LCI) possui isenção de IR.

Você consegue encontrar papéis que servem para metas de investimentos de curto prazo, que podem render mais de 100% do CDI.

Ou seja, esse investimento possui uma rentabilidade boa, principalmente se comparada à poupança.

A LCI é um considerada um investimento de renda fixa e envolve três partes: o investidor (você), a instituição financeira e o setor imobiliário.

Ao comprar um título, você estará emprestando o seu capital para o banco em questão, que vai fazer um outro empréstimo para o setor imobiliário.

3. LCA – Letras de Crédito do Agronegócio

Assim como as LCIs, as LCAs também são isentas de imposto de renda (IR). Outra similaridade entre os dois tipos de investimentos, é que as LCAs são um título de renda fixa, emitido pelas instituições financeiras.

A data de vencimento e a taxa de rentabilidade são definidas no momento da compra do título.

4. CDB

O Certificado de Depósito Bancário (CDB) é uma aplicação na qual o investidor empresta dinheiro aos bancos.

Possui uma boa rentabilidade, quando emitido por instituições financeiras de pequeno e médio porte.

A desvantagem é que o CDB pode possuir uma carência para resgate. Contudo, é possível encontrar CDBs com liquidez diária.

5. Fundos multimercado

Esse investimento é mais arriscado para quem não tem medo dos fundos mais agressivos.

Nos fundos multimercado, o seu dinheiro é aplicado em diferentes segmentos, como a bolsa de valores e renda fixa.

6. Fundos DI

Os fundos DI são investimentos atrelados ao CDI e a taxa Selic. Portanto, são pós-fixados.

Para que esse título seja realmente rentável, é importante que a taxa de administração de fundos seja inferior a 0,5%.

Além disso, para que essa modalidade de investimento seja mais vantajosa, dê preferência aos fundos que ofereçam uma remuneração superior a 100% do CDI.

7. Fundos de renda fixa atrelados ao CDI

Os fundos de renda fixa atrelados ao CDI, como o nome já diz, acompanham o CDI e a taxa Selic. Isso significa que eles já são pós-fixados.

Queremos te lembrar que para eles serem vantajosos, é importante que os fundos de renda fixa atrelados ao CDI, também remunerem o gestor do fundo acima de 100% do CDI.

Conclusão

Os investimentos de curto prazo, normalmente são opções bem vantajosas para quem está entrando para o mercado financeiro, ou, então, já investe em fundos de longo prazo, mas quer diversificar os investimentos.

Todas as opções de investimentos de curto prazo mencionadas nesse artigo, possuem suas vantagens. O ideal é que você analise a sua capacidade de investir e o seu perfil, pois assim, irá encontrar a melhor opção para o seu caso.

Nós esperamos que com esse artigo, você tenha tirado suas dúvidas sobre investimentos de curto prazo e as melhores opções do mercado.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu