Independência financeira: o que é e como alcançar?

Já pensou em não precisar mais trabalhar? Viver o padrão de vida que deseja com mais tempo para a sua família e tranquilidade com relação ao futuro? Saiba então o que é independência financeira e o que fazer para alcançá-la.

Anúncios



Não são poucas as pessoas que acham impossível não depender de patrão ou passar a maior parte da vida dedicando em torno de 10 horas do seu dia ou mais para ir a uma empresa. Ou então, trabalhar sob diversas pressões e chegar em casa exausto a noite.

Cartões mais recomendados

Esse ponto de vista, entretanto mostra-se completamente equivocado a partir do momento que entendemos o que é independência financeira e conhecemos um plano de execução.

Nessa leitura, você vai conferir exatamente tudo sobre a tão sonhada independência financeira, como:

  • O que é um plano de independência financeira?
  • Liberdade financeira;
  • Estágios da independência financeira;
  • Como alcançar a independência financeira.
independência financeira

O que é um plano de independência financeira?

Quando conseguimos gerar uma renda passiva fixa mensal suficiente para pagar as nossas contas e viver como desejamos, alcançamos independência financeira.

A renda passiva é uma renda que não é obtida por meio de sua força de trabalho, seja como empreendedor ou assalariado.

Assim, esse planejamento é o caminho que conduz você a independência financeira, que aliás é muito particular.

Para uns, um rendimento mensal de R$ 2000,00 ou anual de R$ 24 000,00 pode ser o suficiente para manter seu padrão de vida. Enquanto outros, precisam de um rendimento de R$ 8 000,00, R$ 50 000,00 e assim sucessivamente.


Liberdade financeira

Ao contrário do que parece à primeira vista, independência financeira e liberdade financeira não são a mesma coisa.

Anúncios


A liberdade financeira refere-se a um acúmulo de patrimônio, que pode ser exercido por quem alcançou a independência e não convive mais com grandes preocupações relacionadas a dinheiro.

Neste caso, as preocupações de curto prazo já estão reduzidas e o maior objetivo agora é estruturar bem a vida financeira, com a geração de reservas e maior segurança.


Estágios da independência financeira

Agora que já sabemos a diferença entre independência e liberdade financeira, vamos conhecer os estágios do plano de independência financeira.

Dependência financeira

A dependência financeira é o start que todos nós partimos. Afinal, esse é o momento em que dependemos de uma terceira pessoa para pagar as nossas contas.

Ou seja, é a etapa onde as despesas pessoais, como casa, água, luz, roupa são custeadas por nossos responsáveis. Isso até a chegada da maior idade ou quando conseguimos o primeiro emprego

Solvência financeira

Você está usufruindo de solvência financeira quando suas receitas financeiras superam nossas despesas. Isso significa que o seu fluxo de caixa pessoal está com saldo positivo e temos condições de cumprir com as nossas despesas.

Anúncios


Além disso, se estamos cumprindo um plano de independência financeira, o saldo positivo obtido refere-se a reserva financeira. Ela ao ser reaplicada em investimentos lucrativos fará o seu patrimônio crescer ainda mais.

Mantidas as despesas no próximo período ou mês, o seu saldo positivo será ainda maior, face o aumento dos seus rendimentos pela reaplicação de recursos.

Estabilidade financeira

A estabilidade representa um equilíbrio entre ganhos e gastos que nos dá tranquilidade com relação ao dinheiro, na medida que podemos manter o nosso sustento, sem precisar estar realizando dívidas.

O termo estabilidade transmite a sensação de “sólido” ou “porto seguro”, ou seja, ausência de inseguranças e preocupações. Atingir esse estágio requer a adoção dos hábitos de consumo, reserva e reinvestimento inerentes ao plano de independência financeira.

Libertação das dívidas

As dívidas são como os dois lados de uma moeda. Ao mesmo tempo que nos permitem concretizar projetos e comprar bens que não temos como pagar à vista num primeiro momento. Por outro lado são um grande obstáculo à conquista da nossa independência financeira. De acordo com o Serasa, atualmente cerca de 40% da população está endividada com contas em atraso.

Segurança financeira

A segurança financeira consiste na gestão do seu dinheiro que permite a você reservar um valor que garanta entre seis e dez meses da sua receita mensal atual.

Com isso, você poderá custear suas despesas numa situação emergencial como perda do emprego ou até mesmo mudança de carreira. Nesse último caso, você não precisará deixar seus planos de médio e longo prazo e fazer uma transição segura.

Abundância financeira

Podemos dizer que estamos experimentando abundância financeira quando temos recursos que transbordam a ponto de podermos ajudar outras pessoas, pois sabemos que teremos recursos amanhã.

Uma vez que você alcançou a tão sonhada independência financeira e investe em educação financeira, passa a ter a segurança de que os recursos necessários à manutenção do seu padrão de vida não irão lhe faltar.


Como alcançar a independência financeira?

Uma vez entendidos cada um dos estágios do plano de independência financeira, vamos discutir agora alguns aspectos que devem ser particularmente observados nesse processo.

Organização e planejamento financeiro

Em primeiro lugar vou reforçar a importância da organização da sua vida financeira. Como ela está hoje? Avalie sua renda e seus gastos para compreender e poder controlar melhor suas finanças.

Faça um levantamento de todas as suas fontes de renda e dos seus gastos mensais, anuais, como preferir. Defina um teto para cada tipo de despesa e foque em aumentar suas receitas. Com isso, você terá agora em mãos um fluxo de caixa pessoal.

Agora, é só fazer um planejamento financeiro a partir dos dados reunidos e optar pelas escolhas financeiras mais conscientes. Seu planejamento não precisa ser rígido, mas flexível o bastante para acompanhar as variações na sua vida financeira.

Metas orçamentárias são fundamentais para alcançar a independência financeira

Somente através do acompanhamento e ajustes no seu orçamento você pode aproveitar as oportunidades que surgem a cada dia. Nessa análise, você pode verificar a necessidade de aumentar seus rendimentos ou poupar mais dinheiro rumo à conquista da independência financeira.

Você pode começar com pequenas metas. Identifique os gastos que podem ser cortados ou eliminados e mantenha o foco no acumulado de capital.

Observe seu padrão de consumo e busque formas menos custosas de manter o estilo de vida atual ou desejado. Reduza ou exclua somente o dispensável, mas nunca o essencial, ou seja, seus gostos e hobbies favoritos.

Acabe com suas dívidas, um dos pilares fundamentais para alcançar a independência financeira.

O endividamento não está relacionado apenas às pendências que você não está conseguindo colocar em dia. Mas ao costume do uso do cartão de crédito, financiamentos, etc.

À medida que compramos, compramos e postergamos os pagamentos gerando dívidas, comprometemos o nosso orçamento proporcionalmente.

Se a cada mês adicionamos novas parcelas às nossas faturas, podemos rapidamente obter dívidas que ultrapassem a nossa renda mensal.

Para piorar a situação, se começamos a atrasar os pagamentos devido às dificuldades de solvência crescentes, temos também que arcar com os juros e multas decorrentes.

Para atingir a independência financeira, faz-se imprescindível avaliar constantemente as suas prioridades de custos a fim de não perder o controle entre a receita e a despesa do seu fluxo de caixa pessoal.

Faça um seguro

Todos nós estamos sujeitos a circunstâncias inesperadas que até mesmo nos impossibilitam de trabalhar. E por isso existem os seguros, e estes são muito importantes.

O objetivo de um seguro é garantir a proteção do seu patrimônio sem que você tenha a necessidade de se desfazer deles para pagar despesas emergenciais.

Para contratar um, pesquise uma corretora sólida no mercado que disponha de planos com coberturas que atendam às suas necessidades. Como um valor que cubra por exemplo o seu nível de gastos atual, por um bom tempo.

Saiba como investir, o grande passo para atingir a independência financeira.

Saber economizar é bom, mas o segundo passo depois disso é saber investir. E se você não está disposto a isso, dificilmente alcançará a sua independência financeira.

Isso porque os investimentos constituem a alternativa mais rápida e fácil de multiplicar o seu dinheiro.

Ao estudar o mercado financeiro e as opções disponíveis, logo conseguimos perceber que investir não é nenhum bicho de sete cabeças. Como alguns costumam pensar.

Após descobrir o seu perfil de investidor, mediante teste que pode ser feito na plataforma online de uma corretora de valores, você pode criar conta e visualizar diversas alternativas de longo prazo.

Conhecer seu nível de tolerância ao risco é fundamental para saber quais investimentos são os mais adequados a você.

O recomendado para quem está começando a investir é sempre a aplicação na reserva de emergência, onde títulos de renda fixa como Tesouro Selic e CDB são muito indicados, devido à estabilidade que oferecem.

O mercado financeiro não é estático. Acompanhe sua carteira e faça ajustes.

Começar a investir não é o seu último passo rumo a obtenção da sua independência financeira. Após isso, você deve prosseguir realizando aportes periódicos. Somente assim é possível fazer crescer o seu patrimônio até usufruir de uma renda passiva que sustente o seu estilo de vida.

Quanto mais você investe, maior será a sua rentabilidade, que irá crescer num ritmo exponencial pelos retornos em juros compostos.  Assim, ao manter a frequência das suas aplicações, o tempo e os juros trabalharão para você.

Não hesite em economizar a cada mês para manter seus investimentos, aumentar o patrimônio investido e potencializar seus rendimentos a longo prazo.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu