Fundos de ações pagam dividendos?

Será que fundos de ações pagam dividendos? É isso que você vai saber agora!

Anúncios



Os fundos de ações são uma excelente opção para quem deseja investir em renda variável, mas ainda não tem muita experiência no mercado de ações.

Cartões mais recomendados

Ou seja, é uma forma simples de operar na bolsa de valores, mas sem ter de operar no pregão.

É possível começar a investir com pouco dinheiro em diferentes tipos de gestão de ativos.

Se você quer saber mais sobre os fundos de ações e descobrir se eles pagam dividendos, continue a leitura. Vamos explicar tudo sobre o assunto!


O que são fundos de ações?

Os fundos de ações são um tipo de investimento que tem como principais objetivos, traçar e investir os recursos dos cotistas em estratégias com ativos no mercado acionário.

Por definição, devem aplicar no mínimo 67% do patrimônio em ações negociadas em mercados organizados, como a bolsa de valores, por exemplo.

Anúncios


Já o outro terço restante do patrimônio líquido, poderá ser investido em outros ativos financeiros.

Dependendo da estratégia utilizada, os fundos de ações podem gerar ganhos até mesmo em períodos de queda na bolsa de valores.

fundo de ações pagam dividendos

Quais são as principais vantagens dos fundos de ações?

Existem diversas vantagens em investir em fundos de ações. Dentre elas, podemos citar:

• Auxílio de um gestor profissional para escolher as melhores ações

• Diversificação da carteira de investimentos

• Não precisar se preocupar em analisar e escolher ações para começar a investir

Anúncios


• Rentabilidade superior a outros tipos de investimento, como os de renda fixa


É verdade que os fundos de ações pagam dividendos?

Agora que você já sabe o que são fundos de ações e quais as principais vantagens desse tipo de investimento, está na hora de descobrir se eles realmente pagam dividendos aos investidores.

Para responder essa pergunta, vamos explicar de forma detalhada o que esse tipo de rendimento significa.

É importante você saber que os dividendos são a parcela do lucro líquido de uma companhia de capital aberto que é distribuída entre os acionistas.

Essa distribuição é feita com base na classe de ações e quantidade de papéis que cada acionista possui.

As organizações listadas na bolsa têm o direito de decidir se dividem os lucros entre os acionistas ou irão utilizá-los para fazer novos investimentos na empresa.

Contudo, independentemente da escolha, as empresas devem obrigatoriamente compartilhar, no mínimo, 25% do lucro líquido com os acionistas e sócios.

Ao comprar uma ação preferencial (aquela que dá prioridade ao titular na hora de distribuir os lucros da companhia), você está garantindo o seu direito de ter prioridade na distribuição de dividendos.

Assim, os dividendos irão cair na sua conta da corretora de valores, conforme a política de distribuição definida pela organização em questão.

Mas quando se trata de fundos de investimentos, que é o caso dos fundos de ações, essa prática funciona de forma diferente.

Como os fundos de ações pagam dividendos?

Existem fundos de ações que são focados na estratégia de dividendos, já que concentram seus recursos em organizações com um excelente dividend yield.

O dividend yield é o indicador que pode ser utilizado para analisar e escolher ações de companhias para investir.

Essa taxa oferece ao investidor a possibilidade de comparar o rendimento com dividendos de um papel em relação aos outros, oferecendo mais informações para criar uma estratégia de investimentos.

Mas na prática isso não significa que os fundos de ações pagam dividendos diretamente ao acionista, que é o que ocorre na bolsa de valores.

Na verdade, o lucro líquido é de responsabilidade do gestor do fundo, que na maioria das vezes, reinveste esse valor em ações para gerar mais impacto no valor das cotas.

Desse modo, as cotas se valorizam com os proventos recebidos.

Assim, existe a possibilidade de aumentar os seus ganhos com os fundos de ações, já que o desempenho das carteiras melhora ao reinvestir os dividendos.

Nesse caso, os dividendos não caem na conta que você possui na corretora de valores, pois você vai ter lucro com a valorização das cotas.

Portanto, se você quer receber o dinheiro diretamente, pode realizar o stock picking: uma estratégia de investimentos que consiste em fazer uma seleção de ações, para obter lucro com a valorização.

E ao realizar o stock picking na bolsa de valores, você pode montar a sua carteira de investimentos.

Mas os fundos de ações servem justamente para você deixar esse trabalho nas mãos de um gestor profissional e, assim, não precisar se preocupar com isso.


Vale a pena investir em fundos de ações por causa dos dividendos?

Os dividendos podem ser considerados uma estratégia para um fundo de ações.

Existem fundos de ações que focam em replicar as variações de indicadores de referência do mercado de renda variável, investir em empresas que mostram bons níveis de segurança corporativa e, claro, investir em ações de empresas com histórico de bons pagamentos de dividendos.

Ou seja, há vários critérios para avaliar na hora de escolher o fundo de ações. Os dividendos, obviamente, são alguns deles. Contudo, não podem ser o único fator de decisão.

Além disso, é importante lembrar que um fundo que recebe bons proventos de organizações se beneficia de uma previsibilidade maior nos resultados.

O motivo, é que as companhias que distribuem mais dividendos, são as mais sólidas do mercado.

Mas se você pretende receber dividendos de forma periódica para ter uma fonte de renda passiva, os fundos de ações não são a melhor opção.

Nesse caso, é melhor focar em outros investimentos, como os fundos imobiliários, por exemplo.


Para quem os fundos de ações são recomendados?

Os fundos de ações são ótimas opções para investidores com um perfil mais agressivo, ou seja, aqueles que estão dispostos a correr mais riscos em troca de alta rentabilidade.

Contudo, se você tem um perfil mais conservador ou moderado, não significa que não pode investir em fundos de ações. Entretanto, é importante entender quais são os riscos envolvidos.

fundos de ações pagam dividendos

Conclusão

No Brasil, os fundos de ações geralmente reinvestem o valor dos dividendos em novas ações, para que assim, seja possível aumentar o efeito positivo na valorização das cotas.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu