Economia Brasil 2021: últimas informações

Veja as informações mais recentes sobre a economia Brasil 2021!

Anúncios



Economia Brasil 2021: certamente, esse ano, do ponto de vista econômico, não foi nada fácil para os brasileiros.

Cartões mais recomendados

Muitas mudanças ocorreram na economia brasileira. Boa parte delas, impactou negativamente a população.

Para você entender um pouco mais da situação e ficar ciente do que está ocorrendo, no artigo de hoje, vamos explicar alguns fatos que estão ocorrendo na economia do nosso país.

Continue a leitura para saber mais.

Economia Brasil 2021

1. Aumento da Taxa Selic

Na última quarta-feira (08/12) o Copom (Comitê de Política Monetária) do Banco Central anunciou a decisão de elevar a taxa Selic a 9,25% ao ano.

A elevação da Taxa Selic, que é a taxa básica de juros da economia, vai afetar os investimentos na poupança, financiamento imobiliário e FGTS.

Anúncios


De acordo com a legislação brasileira, quando a Selic é igual ou inferior a 8,5% ao ano, a remuneração na poupança é composta pela Taxa Referencial (TR) mais 70% da taxa Selic.

Com a Selic acima de 8,5%, a poupança volta a render 0,5% ao mês + a TR (o que dá 6,17% ao ano).

Apesar do aumento, a rentabilidade na poupança continua perdendo para a inflação.

Por isso, o ideal é que você utilize a poupança apenas para receber pagamentos e guardar dinheiro que você pretende utilizar em breve.

Caso você realmente esteja em busca de rendimentos, é melhor procurar por outras modalidades de investimentos em renda fixa, como CDBs pós-fixados e Fundos DI.

É importante mencionar que o Banco Central já deu sinais de que em 2022, a Taxa Selic vai aumentar. Isso significa que no próximo ano, com as taxas subindo, é bem provável que os investimentos em renda fixa voltem a ganhar da inflação.

Anúncios


Saiba mais sobre o aumento da Taxa Selic.


2. Auxílio Brasil: segunda parcela começa a ser paga

A segunda parcela do auxílio-Brasil começará a ser liberada para os beneficiários a partir desta sexta (10/10).

Esse valor não será liberado para os 17 milhões de beneficiários, como o governo havia prometido.

É que segundo o Ministério da Cidadania, a folha de pagamentos ainda está em processo de conclusão.

De acordo com o Ministério, em dezembro, cerca de 13 milhões vão receber o complemento para alcançar o benefício de R$ 400.

A expectativa é que no começo do ano de 2022, os novos beneficiários que não vão receber o valor ainda no mês de dezembro, comecem a receber o auxílio de R$ 400.

Saiba mais sobre o pagamento das parcelas do auxílio Brasil.


3. Inflação no Brasil

O IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) desacelerou em 0,95% em novembro de 2021.

No mês de outubro, a alta registrada foi de 1,25%.

No acumulado de 12 meses, a inflação chegou a 1,75%. Esse é o maior aumento na inflação desde novembro de 2003, mês em que a inflação no país chegou a 11,02%.

Aliás, esse foi um dos motivos pelo qual o Banco Central aumentou a taxa Selic: controlar a inflação. 

A alta já era esperada pelo mercado financeiro.

Basicamente, a taxa Selic controla os juros fornecidos no mercado. Sempre que ela muda, os empréstimos e financiamentos bancários ficam mais caros ou mais baratos.

Por esse motivo, a mudança da Taxa Selic  é uma das formas encontradas pelo Governo para controlar a inflação.

Quando o IPCA está alto, o COPOM aumenta a Selic. Dessa forma, o crédito fica mais caro, o que reduz o consumo e, também, a inflação.

Saiba mais sobre a inflação no Brasil nos últimos meses.

citação

4. Nova lei cambial

O senado aprovou novas regras para o mercado de câmbio e circulação do capital estrangeiro no país.

O texto segue para sanção empresarial.

Mas afinal, o que muda com isso?

Com essas mudanças, a nova lei permitirá:

• Limite maior de moeda estrangeira para levar em viagens internacionais;

• Negociação da moeda entre brasileiros observado o limite de US$ 500;

• Abertura de contas em moeda estrangeira no país;

Um dos pontos que mais chamou a atenção na nova lei, é a transferência do Conselho Monetário Nacional para o Banco Central a competência para permitir novos setores da economia a manter contas em moeda estrangeira no Brasil.

Além disso, a nova lei pode ajudar na implementação do Pix Internacional, que basicamente, é a funcionalidade que irá permitir a transferência de recursos financeiros para outros países em tempo real.

Entretanto, essa nova funcionalidade ainda está sendo avaliada pelo Banco Central (BC).

Saiba mais sobre a Nova Lei Cambial.


5. Aumento do financiamento imobiliário problemático 

O Banco Central está monitorando os riscos de crédito imobiliário com recursos do FGTS, devido à elevação dos ativos problemáticos.

Os ativos problemáticos são uma medida mais ampla da saúde das carteiras de crédito das instituições financeiras, o que inclui pagamentos em atraso.

As operações inadimplentes ou renegociadas após atraso no pagamento aumentaram de R$ 14,428 bilhões em dezembro de 2018 para R$ 29,334 bilhões em 2021.

Saiba mais sobre o aumento do financiamento imobiliário problemático.


6. Ibovespa sobe mais de 1%

O desempenho da bolsa nos últimos meses trouxe preocupação para os investidores.

Entretanto, nos últimos dias, o Ibovespa apresentou uma pequena alta.

Na última sexta-feira (10/10), o Ibovespa subiu com mais intensidade do que os índices no exterior.

Para especialistas do mercado financeiro, o índice mostra que as expectativas estão um pouco mais otimistas.

Na última quinta-feira (09/10), a bolsa fechou em queda de 1,67%. Já no dia 10 de dezembro, o Ibovespa subiu a 1,34%.

Na agenda do dia, o IBGE publicou o resultado da inflação no último mês, em meio a mudança da taxa Selic, que subiu para 9,25% ao ano, que tende a subir ainda mais em 2022.

Os juros mais altos tendem a atrair recursos financeiros estrangeiros para o Brasil, o que aumenta a procura pelo real.

Saiba mais sobre a alta do Ibovespa.

6 sites para acompanhar notícias sobre economia

Conclusão

Agora você já sabe quais são as notícias mais importantes sobre a Economia Brasil 2021, principalmente no mês de dezembro.

Como o cenário econômico pode mudar a qualquer momento, recomendamos que você acesse sites de notícias com frequência. Dessa forma, sempre ficará informado sobre os últimos acontecimentos.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu