Como calcular o 13° salário?

Está com dúvidas sobre como calcular o seu 13° salário? Descubra o valor exato que você deve receber!

Anúncios



Como calcular o 13° salário é uma das dúvidas mais comuns dos trabalhadores. Afinal, você sabe que vai recebê-lo, mas não a quantia exata, não é mesmo?

Cartões mais recomendados

Esse benefício tão esperado pelos brasileiros no final do ano, seja para quitar dívidas, comprar presentes ou investir, é um direito de muitos trabalhadores.

Se você quer saber mais sobre o 13° salário e como calculá-lo, continue a leitura! Vamos te explicar tudo sobre o assunto.

como calcular o 13° salário

Quem tem direito de receber o 13° salário?

O benefício é ofertado aos trabalhadores com carteira assinada, trabalhadores rurais, temporários, funcionários públicos, empregados domésticos, aposentados e pensionistas do INSS.

Aliás, a partir de 15 dias de serviço registrados no regime CLT, o trabalhador já tem direito ao 13° salário.

Os funcionários demitidos sem justa causa ou então, que tiveram o contrato encerrado, também possuem direito ao benefício.

Anúncios


Entretanto, se o trabalhador tiver mais de 15 faltas não justificadas em um mês de trabalho, ele perde o direito de receber o 13°.


Quando o 13° salário deve ser pago?

A primeira parcela do 13° deve ter sido paga até o dia 30 de novembro.

Já a segunda parcela, deve ser paga até o dia 20 de dezembro.

Se o 13° não for concedido dentro desses prazos, a empresa fica sujeita a pagar uma multa, que é de cerca de R$ 170 por trabalhador contratado que não recebeu o benefício.


Como calcular o 13° salário?

O cálculo do 13° salário é bem simples. Basta aplicar a seguinte fórmula:

Valor da remuneração / 12 meses do ano X meses trabalhados no período.

Anúncios


Assim, você terá o valor do 13° salário proporcional.

Para te ajudar, vamos mostrar um exemplo:

• Salário integral (salário bruto): R$ 2800

• Meses trabalhados: 8 meses (ao longo de 12 meses)

• 2800/12 = 233,33

• 233,33×8= 1866,66

O 13° salário desse trabalhador será de R$ 1866,66.

Lembrando que esse valor pode ser dividido em duas parcelas.

citação

Como é a tributação no 13° salário?

Na primeira parcela do 13° salário, não há incidência do INSS.

Os tributos (INSS e IRRF) são cobrados na segunda parcela. Ou seja, na primeira (paga até o final de novembro), o trabalhador recebe o valor total. 

O desconto do INSS pode ser de 7,5%, 9%, 12% ou 14% sobre o salário bruto, seguindo uma tabela progressiva.

Tabela de desconto progressivo do INSS
SalárioAlíquota do INSS
Até R$ 1.100,007,5%
De R$ 1.100,01 até R$ 2.203,489%
De R$ 2.203,49 até R$ 3.305,2212%
De R$ 3.305,23 até R$ 6.433,5714% 

O que desconta no 13° salário?

O Imposto de Renda e a contribuição ao INSS incidem sobre o 13º salário.

Os tributos, como você já sabe, ocorrem sobre o valor integral do 13° salário. Em relação ao FGTS, ele é pago tanto na primeira quanto na segunda parcela.

Cálculo do 13° salário com horas extras

Se você faz horas extras, também precisa inserir essa informação na sua contagem manual.

Mas afinal, como fazer isso?

Basicamente, você deve somar todas as horas extras trabalhadas até outubro. Esse é o mês limite, já que a primeira parcela é paga em novembro.

Vamos supor que durante todos os seus meses de trabalho, você tenha feito 50 horas extras.

Você deve saber qual é o custo da hora extra trabalhada.

Para um contrato de 220 horas mensais e 2800 de salário, é feito o seguinte cálculo:

2800 / 220 = 12,72 (valor da hora trabalhada).

Vamos supor que todas as suas horas extras tenham sido realizadas durante os dias da semana. Nesse caso, a lei diz que deve ter um acréscimo de 50%.

Supondo que todas as horas extras sejam de 50%, devemos pegar o valor da hora trabalhada e dividir pela metade.

12,72 / 2 = 6,36

6,36 + 12,72= 19,08

Valor da hora extra = 19,08

Como foram feitas 50 horas extras, faça o seguinte cálculo:

50 x 19,08 = 954,5.

O resultado deve ser somado ao salário bruto. Sendo assim, fica: 2800 + 954 = 3754.

O número será utilizado para o pagamento da primeira parcela, que dividindo por 2, fica = 1877.

Em relação a segunda parcela, você deve fazer as alíquotas e fazer o cálculo com base no desconto do INSS e do IR.

Use o seu 13° com responsabilidade

Nessa época do ano, é normal que você queira gastar com presentes, festas, viagens, etc.

Mas lembre-se de que logo no começo de 2022, vai ser preciso arcar com algumas despesas, como IPVA, material escolar, entre outros.

Por isso, use o seu 13° com responsabilidade. E se você tem dívidas, o ideal é que esse dinheiro seja utilizado para quitá-las.

Desse modo, você pode começar 2022 com muito mais tranquilidade e organização financeira.

Qual o impacto do 13° salário na economia brasileira?

De acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), mais de 83 milhões de brasileiros serão beneficiados com o 13° em 2021.

O pagamento médio será de R$ 2539.

Serão injetados mais de R$ 232 bilhões na economia brasileira.

Certamente, esse valor irá fazer diferença na vida de muitas famílias, que foram afetadas com a crise e por isso, se endividaram durante o ano.

O que acontece se a empresa não pagar no prazo?

Se a empresa não pagar o 13° salário até a data estipulada, a multa será de R$ 170 por trabalhador que não recebeu o direito.

Ou seja, a multa dobra em caso de reincidência.

Mas é importante lembrar que o valor da multa não é pago para o trabalhador e sim, para o Ministério do Trabalho.

Caso você não tenha recebido o 13° salário, é preciso fazer uma denúncia para o Ministério do Trabalho, que irá realizar uma fiscalização.

onde investir o 13° salário

Conclusão

Agora você já sabe quem tem direito ao 13° salário e como deve ser feito o cálculo!

Caso não tenha recebido o pagamento do seu décimo-terceiro, procure os seus direitos, pois estamos falando de algo garantido por lei para trabalhadores de carteira assinada!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Leia Mais

Cartão VISA com limite INACREDITÁVEL

Você já descobriu a novidade que a VISA está proporcionando aos clientes? Um novo cartão com limite inacreditável está na área! Anúncios Nossa equipe decidiu