7 produtos para revender direto da fábrica e lucrar facilmente

Encontrar produtos para revender direto da fábrica pode ser uma ótima ideia para obter lucro de forma mais fácil.

Anúncios

Ao procurar produtos para revender diretamente da fábrica e obter lucro, é importante considerar uma variedade de fatores, incluindo demanda de mercado, margens de lucro, qualidade do produto e sua capacidade de comercialização.

Conheça 7 produtos para revender direto da fábrica

Vamos ver alguns dos produtos que podem ser revendidos direto da fábrica para poder lucrar de forma rápida e fácil.

1 – Roupas

Com a ascensão da Shopee e da Shein, grandes e-commerces do mundo, ficou muito mais fácil vender roupas, calçados e bolsas.

E é uma categoria extremamente procurada pelos consumidores no Brasil, mas isso não dá certeza de que seus resultados serão positivos logo de cara, é importante entender este ponto.

O ideial nesse mercado é buscar fabricantes que ofereçam preços competitivos e  produtos de qualidade.

Depois de encontrar o seu fornecedor, é necessário abrir o seu e-commerce ou loja física, foque em boas fotos dos seus produtos para se destacar.

Anúncios

2 – Utilidades domésticas

Nos dias de hoje as utilidades domésticas são um grande segmento no mercado de vendas, principalmente depois que passamos pela pandemia e as pessoas passaram a ficar mais tempo em suas casas.

Com isso, surgiu a oportunidade de entrar nesse mercado e revender itens que geram mais conforto em suas casas.

E comprando direto de um fábrica, o valor acaba saindo mais em conta e você pode vender por valores acessíveis e interessantes aos compradores.

3 – Cosméticos

Sejam cosméticos brasileiros ou estrangeiros, principalmente os coreanos, a área de produtos de beleza está em grande ascensão.

Ela tem uma demanda muito grande, porém os valores de aquisição são muito altos, fazendo com que muitas vezes as pessoas procurem as melhores alternativas que cabem em seus bolsos.

Se você tem a habilidade de negociar com os fabricantes de quem compra, pode tentar conseguir acesso a preços mais acessíveis e vender de forma competitiva.

4 – Lingeries

O mercado de lingerie no Brasil geralmente trabalha diretamente com a venda de produtos de fábrica, principalmente para que seus valores sejam mais baixos e consequentemente, mais acessíveis.

Não só as lingeries como pijamas, segundo a IEMI, Inteligência de Mercado, o mercado movimentou aproximadamente R$3,6 bilhões de reais em um ano.

Das peças mais básicas até as mais sexys, todas elas são válidas para que você tenha opções que atendam todo o público.

Ainda para que você tenha lucro sem precisar montar um estoque, pode fazer a venda de produtos por catálogo, dessa forma é só fazer o pedido quando tiver alguma compra.

5 – Eletrônicos

Eletrônicos como fones de ouvidos, power banks, carregadores e outros produtos mais baratos são mais simples de obter por fabricantes, permitindo que você tenha uma ampla variedade de produtos para revenda.

Negociando com fábricas internacionais, você consegue obter produtos diferentes do que normalmente encontramos no Brasil, atendendo ainda mais pessoas interessadas no que tem a oferecer.

6 – Bijuterias

Joias, semijoias ou bijuterias, esse é um dos ramos mais populares no Brasil. Você nem precisa ir muito longe para encontrar fábricas que vendem e atendem esse tipo de segmento.

Além de fazerem muito sucesso, você pode revender por catálogos, o que elimina a necessidade de fazer um estoque e ter que investir muito dinheiro logo no início do seu negócio.

7 – Artigos de papelaria

Outra coisa que ‘estourou’ no Brasil foram os artigos de papelaria, que estão muito em alta principalmente por conta das redes sociais.

É um negócio mais segmentado, mas com a forma certa de divulgação você com certeza encontrará o seu público alvo nas plataformas de redes sociais.

Diversas fábricas possuem produtos variados, criativos e com uma estética agradável, além de estarem sempre surgindo diferentes produtos que atraem mais e mais pessoas.

Como encontrar fábricas e fornecedores

Agora para que você possa criar a sua loja virtual ou então uma loja fisíca, é necessário muito planejamento.

Mas se você já tem em mente o que quer com o seu negócio, tenha em mente qual o caminho que vai seguir depois de escolher o segmento dos produtos, precisará encontrar fábricas e fornecedores.

Mais que encontrar simples fábricas e fornecedores, é encontrar profissionais que vendem produtos de qualidade a preços que não são exorbitantes.

Comece fazendo pesquisas no Google, para saber quais são as fábricas com melhores reviews, geralmente elas estão nos primeiros resultados, mas neste momento é importante aprofundar suas pesquisas.

Crie uma planilha para manter controle das fábricas que você encontrou e como anda a negociação sobre produtos, isso torna o seu trabalho muito mais fácil e menos confuso.

Através de diretórios online que podem ser internacionais ou nacionais, você encontra o perfil de centenas, senão milhares, de fabricantes e fornecedores que buscam clientes.

No Brasil temos o ThomasNet, Makers Row, Kompass, enquanto no mercado internacional encontramos o Alibaba e Aliexpress principalmente.

Feiras e eventos do setor são excelentes oportunidades para criar uma rede de networking direta com fabricantes e fornecedores.

Pesquise sobre feiras e eventos relacionados ao setor em que você está interessado e participe para conhecer e interagir com potenciais fornecedores.

Através de indicações e visitas a polos industriais é possível conhecer de forma ainda mais profunda fornecedores e fabricantes.

Fiz contato e agora?

Depois de fazer contato com quem pode ter produtos para revender direto da fábrica, é importante que você saiba como negociar.

Não só saber negociar, mas estar pronto para fazer todas as perguntas pertinentes aos produtos que você está interessado, como tempo de produção, preços, política de devolução e os produtos em geral.

Além disso, avalie cuidadosamente a reputação, a qualidade dos produtos e a capacidade de fornecimento de cada fabricante antes de tomar uma decisão.

Se a fábrica ou fornecedor possuir um Reclame Aqui para saber mais sobre sua reputação, você pode querer fazer uma análise mais profunda sobre eles.

Tenha cuidado na hora da negociação, principalmente com vendedores internacionais. Algumas vezes o idioma diferente pode gerar ruídos na comunicação e mal entendidos.

Gostou deste conteúdo? Aproveite e leia também: 50 ideias para ganhar dinheiro!